Aguarde...

Barreado


Ingredientes

  • De influência portuguesa o Barreado originário dos sítios dos pescadores, com o decorrer do tempo, passou para as cidades litorâneas, onde é cultivado há aproximadamente 200 anos nos municípios de Antonina, G
  • Da expressão "barrear" a panela, com pirão de cinza e farinha de mandioca, para evitar que o vapor escape e o cozido seque depressa, vem o nome Barreado uma contribuição dos açorianos, que deu nome ao prato.
  • O Barreado, representa fartura, festa e alegria, sendo adotado como prato do período do entrudo - o precursor do carnaval, sendo sua característica a de que mesmo requentado, não perde o sabor original, o que liberava as pessoas duran
  • Um verdadeiro ritual, para preparar àquele que definiu-se como o prato típico do Paraná.
  • Ingredientes:
  • 5 kg de carne fresca (peito, cochão mole, patinho)
  • 500 gramas de toucinho fresco
  • 3 cabeças grandes de cebola
  • 3 dentes de alho
  • 4 folhas de louro
  • 6 pitada de cominho
  • 6 pitadas de pimenta do reino
  • 4 maços de cheiro verde
  • 1 maço de alfavacas
  • 1/2 litro de vinagre

Modo de preparo

Começa-se o corte, e a limpeza das carnes de véspera. As carnes e o toucinho devem ser cortados em pedaços pequenos, adicionado-se todos os temperos cortados. Leva-se tudo á uma vasilha que não seja de alumínio. Deixa-se repousar até o dia do preparo. Forra-se a panela com o toucinho e leva-se ao fogo para derreter. Depois põe-se as carnes temperadas, tampa-se a panela. Com uma folha de bananeira previamente sapecada na chapa para amolecer, amarra-se com um barbante grosso nas bordas. Coloca-se a tampa e barrea-se com uma mistura de cinza de fogão, farinha de mandioca e água fervendo para da a liga.

Depois de bem vedada, leva-se ao fogo forte nas primeiras horas, passando-se para um fogo mais brando depois. O fogão tem que ser a lenha. O tempo de cozimento é 12 horas. Quando a folha da bananeira estiver bem escura, está pronto o barreado.

Modo de servir:

Serve-se com farinha de mandioca, banana, laranja e arroz. Acompanha uma bebida alcoólica (batida ou pinga) que serve para rebater este prato considerado bastante forte.

Rendimento: 10 pessoas.


Álbum (1)

Álbum de fotos (1)

Marcadores

Comentários



Bacalhoada à Dona Irene
Bacalhoada à Dona Irene
Cavatelli di semola con brocoli e fava
Cavatelli di semola con brocoli e fava
Delícia de Batata
Delícia de Batata
Bolo de Leite Condensado
Bolo de Leite Condensado
Pão Caseiro
Pão Caseiro
Carne Seca com Abóbora
Carne Seca com Abóbora
Mil fôlhas de doce-de-leite
Mil fôlhas de doce-de-leite
Torta Trufada de Limão
Torta Trufada de Limão
Croquete de presunto e requeijão
Croquete de presunto e requeijão
Salada de Frango com Especiarias
Salada de Frango com Especiarias
Arroz à Piamontese de Sobras
Arroz à Piamontese de Sobras
Hot dog de assadeira
Hot dog de assadeira
Massa folhada
Massa folhada
Ana Maria
Ana Maria
Pao de Batata da Mireide Hubner de A. Teixeira
Pao de Batata da Mireide Hubner de A. Teixeira
Melancia de Gelatina
Melancia de Gelatina
Cocada com casca de melão
Cocada com casca de melão
Filé com manteiga de ervas
Filé com manteiga de ervas
Rocambole de carne da Mary
Rocambole de carne da Mary
Vinho Quente Especial
Vinho Quente Especial