Aguarde...

WWF-Brasil comemora sucesso na Biofach/Exposustentat 2007




Por Bruno Taitson

Os representantes do WWF-Brasil na Biofach/Exposustentat 2007 consideraram positiva a participação da instituição no evento, que aconteceu entre 16 e 18 de outubro em São Paulo. Foram estabelecidos importantes contatos e parcerias e os técnicos puderam, por meio de palestras e discussões, interagir com o público e informar a respeito de projetos voltados para a promoção do desenvolvimento sustentável no Pantanal e na Amazônia.

Para Robson Amaro, consultor de mercado e florestas do WWF-Brasil, a feira criou oportunidades de negócios entre empresas e comunidades que oferecem produtos de base sustentável. “Conseguimos contatar parceiros efetivamente dispostos a trabalhar em uma cadeia onde todos ganhem, de acordo com princípios de sustentabilidade ambiental, social e econômica”, afirmou.

Segundo ele, existem diversas empresas que acham “simpático” adquirir produtos feitos em comunidades amazônicas, mas que não se dispõem a absorver custos gerados por um processo produtivo que respeita realidades e limitações locais.

O WWF-Brasil levou também ao seu estande na Biofach representantes de comunidades, territórios indígenas e associações comunitárias dos estados do Acre e Rondônia, que participam de projetos apoiados pela instituição. Os objetivos foram colocar aos comunitários em contato com o ambiente de negócios e levar a empresários características, vantagens e limitações das cadeias produtivas comunitárias de base sustentável.

Manoel de Oliveira, superintendente da Cooperacre, cooperativa apoiada pelo WWF-Brasil que reúne associações de produtores extrativistas acreanos, esteve presente na feira. Ele anunciou o fechamento, durante a Biofach, de um acordo para a comercialização de 100% da próxima safra de óleo de copaíba dos associados da cooperativa.

Ele informou ainda a realização de contatos para futuras parcerias, além do início de negociações para a comercialização de outros produtos pela Cooperacre, como o óleo da castanha-do-Brasil. “O evento foi muito efetivo, é importante termos um contato próximo com empresários. Valeu a pena o deslocamento do Acre até São Paulo”, resumiu Manoel.

Ivens Domingos, técnico em produção sustentável do Programa Pantanal para Sempre do WWF-Brasil, classificou a participação na Biofach/Exposustentat como “um sucesso”. “Temos apoiado há alguns anos a estruturação de cadeias produtivas, dentro de princípios ambientalmente corretos e socialmente justos. Nossa primeira participação nesta feira marca os esforços para, agora, viabilizarmos economicamente esses projetos”, avaliou.

O técnico ministrou, durante o evento, palestra sobre a cadeia da pecuária orgânica no Pantanal. Os resultados foram positivos. “Um grande potencial para a carne orgânica foi comprovado aqui. Participantes de países latino-americanos nos procuraram com o objetivo de aplicar nossas experiências em seus países”, relatou Ivens.

Durante a Biofach/Exposustentat o WWF-Brasil lançou o catálogo ‘Produtos Sustentáveis’. A publicação mostra arranjos produtivos comunitários apoiados pela instituição nos biomas Pantanal e Amazônia, além da parceria com associações de pecuaristas pantaneiros voltada para a estruturação da cadeia da pecuária orgânica na região.

O catálogo (também disponível em versão eletrônica) explica as origens dos produtos, características das comunidades apoiadas e sustentabilidade do processo produtivo, entre outros aspectos. Estão descritas as cadeias produtivas de couro de peixe, pecuária orgânica, artesanato em fibras, artesanato indígena, castanha-do-Brasil, couro vegetal, óleo de copaíba, óleos e essências vegetais.


Fonte: WWF - Brasil


Álbum (1)

Álbum de fotos (1)

Marcadores

Comentários



Agricultores, estudantes e ambientalistas vão às ruas em defesa do Código
Agricultores, estudantes e ambientalistas vão às ruas em defesa do Código
Ecopower Conference discute energia renovável e sustentabilidade
Ecopower Conference discute energia renovável e sustentabilidade
WWF-Tailândia descobre novo recife de peixes raros
WWF-Tailândia descobre novo recife de peixes raros
Um futuro para o Cerrado
Um futuro para o Cerrado
Campo Grande adere à Hora do Planeta
Campo Grande adere à Hora do Planeta
Belo Horizonte recebe Exposição Itinerante WWF-Brasil
Belo Horizonte recebe Exposição Itinerante WWF-Brasil
Expedição Juruena-Apuí visita terra indígena Kayabi
Expedição Juruena-Apuí visita terra indígena Kayabi
Posição internacional forte e mais atenção à biodiversidade no país
Posição internacional forte e mais atenção à biodiversidade no país
Estudos ressaltam importância ambiental do Código Florestal
Estudos ressaltam importância ambiental do Código Florestal
Mudanças climáticas: cientistas destacam a falta de capacitação de jornalistas
Mudanças climáticas: cientistas destacam a falta de capacitação de jornalistas
Programa Madeira é Legal mostra resultados
Programa Madeira é Legal mostra resultados
Cantora pop britânica visita Acre em apoio à conservação das florestas
Cantora pop britânica visita Acre em apoio à conservação das florestas
WWF-Brasil no projeto "Quartas Sustentáveis" da Universidade de Brasília
WWF-Brasil no projeto "Quartas Sustentáveis" da Universidade de Brasília
22 de maio: Dia da Biodiversidade
22 de maio: Dia da Biodiversidade
IPCC: Não há mais tempo a perder, é preciso combater as mudanças climáticas agora
IPCC: Não há mais tempo a perder, é preciso combater as mudanças climáticas agora
Livro lançado na Holanda aborda desenvolvimento sustentável na Amazônia
Livro lançado na Holanda aborda desenvolvimento sustentável na Amazônia
Oficina debate mudanças climáticas e gestão de recursos hídricos
Oficina debate mudanças climáticas e gestão de recursos hídricos
WWF-Brasil apresenta ações e propostas em Apiacás
WWF-Brasil apresenta ações e propostas em Apiacás
Relatório sobre mudanças climáticas avalia impactos do fenômeno
Relatório sobre mudanças climáticas avalia impactos do fenômeno
Conferência de Clima: Bali ameaçada
Conferência de Clima: Bali ameaçada