Aguarde...

Visão de conservação para a Pan-Amazônia




O esforço conjunto dos países amazônicos pela conservação do bioma foi apresentado para os integrantes da Convenção sobre Diversidade Biológica (CDB), durante a reunião do Órgão Subsidiário de Aconselhamento Científico, Técnico e Tecnológico (SBSTTA, em inglês), que acontece até 21 de maio em Nairóbi.

Em evento paralelo à reunião do SBSTTA, que antecede as discussões da Conferência das Partes da CDB, os participantes puderam conhecer a Visão de Conservação para o Bioma Pan-Amazônico, construída conjuntamente pelos oito países da região amazônica Brasil, Colômbia, Peru, Bolívia, Venezuela, Equador, Suriname e Guiana e pelo território da Guiana Francesa.

Jason Spensley, representante do secretariado da CDB, afirmou que esse esforço compartilhado é importante para complementar o trabalho já desenvolvido por cada país e para avançar nas estratégias de conservação da Amazônia.

A diretora de Parques Nacionais da Colômbia e coordenadora regional da RedParques, Julia Miranda, foi a responsável pela apresentação da Visão Pan-Amazônica. Ela destacou que a Amazônia é uma das regiões mais importantes do mundo para a biodiversidade, por isso os esforços combinados dos diferentes países são tão importantes.

Para saber mais sobre essa iniciativa conjunta dos países pan-amazônicos, clique aqui.

Destaque para iniciativa brasileira

O Programa Áreas Protegidas da Amazônia (Arpa) foi apresentado durante o evento paralelo como a maior iniciativa mundial de apoio aos sistemas de áreas protegidas. O Programa, desenvolvido pelo Ministério do Meio Ambiente brasileiro em parceria com o Funbio, o KfW, o Banco Mundial, a GTZ e o WWF-Brasil, teve início em 2003 e pretende apoiar a criação e a implementação de 60 milhões de hectares em unidades de conservação (para conhecer melhor o Arpa, clique aqui).

Fábio França de Araújo, diretor do Departamento de Áreas Protegidas do Ministério do Meio Ambiente, apresentou os resultados da primeira fase do Arpa e mencionou a importância do crescimento do apoio financeiro para a conservação da Amazônia, por sua dimensão e importância para a conservação da biodiversidade e para a adaptação às mudanças climáticas.

“Os recursos alocados para a conservação da Amazônia, por diferentes meios e fontes, deveriam ter a escala adequada, ou seja, na medida da tragédia que o desmatamento ou a degradação da região representariam para as comunidades locais e povos indígenas e para o mundo” afirmou o moderador do evento e superintendente de Conservação do WWF-Brasil, Cláudio Maretti.


Fonte: WWF - Brasil


Álbum (1)

Álbum de fotos (1)

Marcadores

Comentários



Entramos no Parque Nacional do Juruena
Entramos no Parque Nacional do Juruena
Moradores do Distrito Federal defendem nascente contra especulação
Moradores do Distrito Federal defendem nascente contra especulação
Limpa Brasil: Brasília recebe mutirão neste domingo
Limpa Brasil: Brasília recebe mutirão neste domingo
Curitiba agitada na Hora do Planeta
Curitiba agitada na Hora do Planeta
Aos 25 anos, Cabo Orange decifra as riquezas que protege
Aos 25 anos, Cabo Orange decifra as riquezas que protege
Palmas, gritos e poesia saudaram a chegada da Hora do Planeta em Manaus
Palmas, gritos e poesia saudaram a chegada da Hora do Planeta em Manaus
Programa Pantanal recupera estudos sobre Hidrovia Paraguai-Paraná
Programa Pantanal recupera estudos sobre Hidrovia Paraguai-Paraná
Unidades de conservação apoiadas pelo Arpa reduzem em 1,1 bilhão de toneladas as emissões de carbono
Unidades de conservação apoiadas pelo Arpa reduzem em 1,1 bilhão de toneladas as emissões de carbono
Governo sanciona mudanças de limites em áreas protegidas na Amazônia
Governo sanciona mudanças de limites em áreas protegidas na Amazônia
WWF-Brasil e Jornal Destak se unem pelo Dia Mundial do Meio Ambiente
WWF-Brasil e Jornal Destak se unem pelo Dia Mundial do Meio Ambiente
Queda no desmatamento anunciada pelo governo não reflete momento de hoje, avalia WWF-Brasil
Queda no desmatamento anunciada pelo governo não reflete momento de hoje, avalia WWF-Brasil
Nota de repúdio
Nota de repúdio
Começa recuperação do Córrego Guariroba, em Campo Grande
Começa recuperação do Córrego Guariroba, em Campo Grande
WWF-Brasil colhe assinaturas para proteger área em Bertioga (SP)
WWF-Brasil colhe assinaturas para proteger área em Bertioga (SP)
Relatório do WWF-Brasil aponta economia de R$ 33 bi com adoção do cenário Elétrico Sustentável
Relatório do WWF-Brasil aponta economia de R$ 33 bi com adoção do cenário Elétrico Sustentável
Entrevista: Sofia Martins Carvalho, embaixadora do Clima
Entrevista: Sofia Martins Carvalho, embaixadora do Clima
Hora do Planeta em todas as regiões do Brasil
Hora do Planeta em todas as regiões do Brasil
Negociações do protocolo de ABS prometem gerar polêmica na COP 10
Negociações do protocolo de ABS prometem gerar polêmica na COP 10
Brasil pode regredir em proteção ambiental
Brasil pode regredir em proteção ambiental
Inscrições para o Prêmio Varejo Sustentável se encerram amanhã
Inscrições para o Prêmio Varejo Sustentável se encerram amanhã