Aguarde...

SP lança programa para capacitar profissionalmente moradores em situação de rua


Dar uma profissão aos cerca de dois mil moradores em situação de rua da cidade de São Paulo é o que pretende um programa recém-lançado pela prefeitura em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai). Os cursos, com turmas de 200 alunos, começam em abril e terão a duração de dois meses.

“Queremos aprender a desenvolver tecnologias sociais novas, encontrar soluções alternativas que não seja a mera repressão, que não é solução para nada. Ao final do curso, o trabalhador certificado vai também ter o apoio da prefeitura na intermediação com o mercado. Vamos buscar empresas para que essas pessoas também possam ser empregadas, inclusive pelos prestadores de serviço da própria prefeitura”, disse Haddad, após o lançamento do programa, na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP).

Os cursos oferecidos fazem parte do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). Os inscritos poderão escolher a profissão de almoxarife, auxiliar administrativo, confeccionador de bolsa em couro e material sintético, confeccionador de bolsas de tecido, mecânico de bicicleta, mecânico de motores a diesel, padeiro, pedreiro de alvenaria estrutural, eletricista, instalador predial de baixa tensão, encanador, pintor de imóveis, vidraceiro, e aplicador de revestimento cerâmico.

Além de oferecer os cursos gratuitamente, o Senai irá pagar uma bolsa aos alunos. Eles deverão receber R$ 2 por hora-aula. Como os programas terão, no mínimo, 160 horas, as bolsas serão de ao menos R$ 320 para os que frequentarem integralmente o curso. O recurso será pago em vale-transporte e em vale-alimentação. O Senai irá oferecer ainda uma segunda bolsa, também de R$ 320, para os alunos que obtiverem boa avaliação.

“Estamos muito conscientes de que os alunos vão aprender a executar essas tarefas em um programa sob medida, muito relacionado com postos de trabalho disponíveis no mercado. Há uma preocupação de fazer uma articulação para que se possa colocar as pessoas quase que imediatamente em condição de trabalho”, disse o diretor do Senai, Walter Vicioni Gonçalves.

Segundo o censo da população em situação de rua da prefeitura paulistana, feito em 2011 pela Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo, 14.478 pessoas vivem em situação de rua na cidade, sendo que mais da metade (55,3%) estão concentradas na região central da capital. Depois vem a zona leste, com 22,3%.

“O programa vai trazer essa população de volta à cidadania, à dignidade, ao respeito, e uma cidade includente e não excludente”, disse o coordenador do Movimento Nacional da População de Rua (MNPR), Anderson Lopes Miranda.

Por Bruno Bocchini - Agência Brasil


Álbum (1)

Álbum de fotos (1)

Marcadores

Comentários



Filipinas adotam táxis de bambu com biodiesel de coco
Filipinas adotam táxis de bambu com biodiesel de coco
Mauritânia recebe o maior parque solar da África
Mauritânia recebe o maior parque solar da África
Poloneses transformam antigo reservatório em centro de esportes radicais
Poloneses transformam antigo reservatório em centro de esportes radicais
Brasil lidera esforço mundial de conservação do meio ambiente, diz ONU
Brasil lidera esforço mundial de conservação do meio ambiente, diz ONU
Substância de peixe pode dar origem a roupas esportivas e à prova de balas
Substância de peixe pode dar origem a roupas esportivas e à prova de balas
Escritório chinês cria "casa-bike"
Escritório chinês cria "casa-bike"
Campinas testa tinta ecológica em faixa de pedestre
Campinas testa tinta ecológica em faixa de pedestre
Especial: 22 de abril - Dia da Terra
Especial: 22 de abril - Dia da Terra
China pode proibir churrasco para melhorar poluição
China pode proibir churrasco para melhorar poluição
Escritório sustentável é projetado para receber visitantes fora do horário comercial
Escritório sustentável é projetado para receber visitantes fora do horário comercial
Ministério Público inicia investigação sobre exploração sexual em Belo Monte
Ministério Público inicia investigação sobre exploração sexual em Belo Monte
Árvores podem ajudar a diminuir o crime nas grandes cidades
Árvores podem ajudar a diminuir o crime nas grandes cidades
Turistas recebem kits ecológicos no Bondinho do Pão de Açúcar
Turistas recebem kits ecológicos no Bondinho do Pão de Açúcar
Isolante térmico feito com matéria-prima reciclada reduz em até 30% gasto de energia elétrica
Isolante térmico feito com matéria-prima reciclada reduz em até 30% gasto de energia elétrica
Projeto de lei obriga a instalação de telhados verdes nos edifícios de Curitiba
Projeto de lei obriga a instalação de telhados verdes nos edifícios de Curitiba
Relatório que relata violência contra indígenas no período militar é encontrado em museu
Relatório que relata violência contra indígenas no período militar é encontrado em museu
ONG de SC também usa fotos de cães e gatos abandonados em calendário
ONG de SC também usa fotos de cães e gatos abandonados em calendário
Brasil se prepara para implantar Política Nacional de Agroecologia e Produção Orgânica
Brasil se prepara para implantar Política Nacional de Agroecologia e Produção Orgânica
40% da energia consumida no Walmart serão de fontes renováveis
40% da energia consumida no Walmart serão de fontes renováveis
Ecoturismo estimula investimento de empresas no deserto africano
Ecoturismo estimula investimento de empresas no deserto africano