Aguarde...

Reuniões climáticas em Bangcoc




Os negociadores reunidos em Bangcoc, na Tailândia, de 3 a 8 de abril de 2011 na rodada de reuniões sobre mudanças climáticas devem elevar o nível de ambição dos diversos assuntos em discussão, com base no progresso realizado em Cancun, afirma a Rede WWF.

Este é o primeiro encontro desde o Acordo de Cancun, ocorrido em dezembro de 2010, e que reforçou diversos pilares necessários para se atingir um acordo mundial que minimize as alterações climáticas e que seja justo,  ambicioso e com metas obrigatórias de emissões de gases de efeito estufa. 

“Cancun ajudou a criar um cenário para o sucesso. Em Bangcoc, os negociadores precisarão acordar um ‘mapa do caminho’ para atingir este sucesso. Isso requer avanços reais na mobilização de recursos financeiros para o clima e a eliminação de ‘truques’ contábeis para diluir as propostas de redução de emissões na mesa de negociação. Até a COP em Durban, no final do ano, estas propostas também devem aumentar em ambição”, declarou Tasneem Essop.

“Enquanto em Bangcoc, negociadores tentam avançar nos esforços de combate às mudanças climáticas, no Brasil,  há uma tentativa de alterar negativamente o Código Florestal Brasileiro. Isto poderá levar à destruição de extensas áreas de florestas e à emissão de milhões de toneladas de gases de efeito estufa”, afirma Carlos Rittl, coordenador do Programa de Mudanças Climáticas e Energia do WWF-Brasil.

Existe um amplo movimento, chamado de Diálogo Florestal, composto por representantes do setor produtivo, academia e sociedade civil que está disposto a modernizar o Código e que representa um contraponto na discussão. “O WWF-Brasil faz parte deste movimento e defende que as discussões sobre o Códiugo Florestal  sejam feitas à luz da ciência e com foco no uso sustentável e na conservação das florestas brasileiras”, conclui.


O QUE SERIA CONSIDERADO UM SUCESSO EM BANGCOC?

1.    Operacionalizar o que foi acordado em Cancun. A Rede WWF espera que os negociadores em Bangcoc cheguem aceitem um plano de trabalho e um cronograma para a criação das instituições que seriam responsáveis pelos temas de adaptação, financiamento e tecnologia, como foi previsto no Acordo de Cancun.
“Essas instituições devem ser capazes de mobilizar e gerir os recursos financeiros e técnicos que os países em desenvolvimento precisam para buscar o desenvolvimento de baixo carbono,” disse Essop.
 
2.    Negociar fontes inovadoras de financiamento climático. O Acordo de Cancun criou as instituições financeiras para apoiar projetos de mitigação e adaptação em países em desenvolvimento, porém não chegou a um acordo sobre como gerar recursos para alimentar esse fundo.
“Em Bangcoc, os negociadores devem enviar um sinal claro para os ministros da Fazenda de seus países de que eles precisam mobilizar os fundos necessários para que essas instituições possam fazer o seu trabalho,” disse Essop.

3.    Fortalecer os compromissos de mitigação. Em Bangcoc, as partes têm a oportunidade de esclarecer as pressupostos que norteiam suas propostas de redução de gases de efeito estufa e eliminar eventuais problemas metodológicos que as fragilizem.  Os negociadores também devem trabalhar para solucionar o seguinte problema: o compromisso global, como destaca o Acordo de Cancun, é reduzir as emissões de tal forma a manter o aquecimento global abaixo dos 2 °C. No entanto, as propostas colocadas na mesa não são suficientes para atingir este objetivo.  Os países desenvolvidos precisam demonstrar liderança nesta questão. 
“As propostas hoje na mesa nos levam a um mundo com um aquecimento médio de 3 a 4°C. Isso traria conseqüências inimagináveis para o planeta, a natureza e as pessoas. Além disso, alguns países diluem suas metas por meio de truques contábeis para escapar de suas obrigações. Isso tem que parar. É preciso redobrar os esforços de redução de emissões e alcançar isso de forma justa e eqüitativa”, concluiu Essop.

MATERIAIS

Todos os materiais da Rede WWF para a reunião da Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (UNFCCC na sigla em inglês) em Bangcoc estão disponíveis em www.panda.org/climate


Fonte: WWF - Brasil


Álbum (1)

Álbum de fotos (1)

Marcadores

Comentários



Conter o desmatamento na Amazônia requer uma vontade política inédita
Conter o desmatamento na Amazônia requer uma vontade política inédita
Rio Branco deve ser referência em manejo de resíduos
Rio Branco deve ser referência em manejo de resíduos
Revezamento da tocha de esperança da Hora do Planeta ao redor do mundo
Revezamento da tocha de esperança da Hora do Planeta ao redor do mundo
Último acampamento da equipe no rio Sucunduri
Último acampamento da equipe no rio Sucunduri
Rede Plaza Brasília Hotéis também estará de luzes apagadas, neste sábado
Rede Plaza Brasília Hotéis também estará de luzes apagadas, neste sábado
Concurso do WWF-Brasil leva vencedor ao Acre
Concurso do WWF-Brasil leva vencedor ao Acre
Marina: pressão popular fará com que Dilma vete mudanças no Código
Marina: pressão popular fará com que Dilma vete mudanças no Código
WWF-Brasil participa como jurado da final brasileira da Imagine Cup 2008
WWF-Brasil participa como jurado da final brasileira da Imagine Cup 2008
Estudantes questionam autoridades sobre defesa do meio ambiente
Estudantes questionam autoridades sobre defesa do meio ambiente
Grupo de Trabalho contrata estudo para subsidiar implantação do IR Ecológico
Grupo de Trabalho contrata estudo para subsidiar implantação do IR Ecológico
Crianças brasileiras mostram sua opção pelas novas energias renováveis
Crianças brasileiras mostram sua opção pelas novas energias renováveis
Relatório Anual traz destaques e prestação de contas das atividades do WWF-Brasil em 2007
Relatório Anual traz destaques e prestação de contas das atividades do WWF-Brasil em 2007
Milhões de pessoas estão prontas para desligar as luzes e ir além da hora
Milhões de pessoas estão prontas para desligar as luzes e ir além da hora
Observem os sinais dos tempos, diz WWF aos negociadores reunidos em Bonn
Observem os sinais dos tempos, diz WWF aos negociadores reunidos em Bonn
Pecuária orgânica do Pantanal é apresentanda em workshop sobre pecuária sustentável
Pecuária orgânica do Pantanal é apresentanda em workshop sobre pecuária sustentável
Para curar as feridas da terra
Para curar as feridas da terra
Sucesso da Hora do Planeta mostra que o mundo está pronto para ir Além da Hora
Sucesso da Hora do Planeta mostra que o mundo está pronto para ir Além da Hora
NÓS E O CLIMA: Nível do rio Negro se iguala à marca histórica de 1953 em Manaus
NÓS E  O CLIMA: Nível do rio Negro se iguala à marca histórica de 1953 em Manaus
Prosperidade longe do garimpo, um bom exemplo de prática sustentável
Prosperidade longe do garimpo, um bom exemplo de prática sustentável
Mudanças Climáticas podem levar ao colapso da Amazônia
Mudanças Climáticas podem levar ao colapso da Amazônia