Aguarde...

Rede Nossa SP apresenta propostas para transporte público da cidade


Por Airton Goes - Rede Nossa São Paulo

A secretaria executiva da Rede Nossa São Paulo levará para a reunião extraordinária do Conselho da Cidade, convocada para esta terça-feira (18/6), um conjunto de propostas para melhorar o transporte público da metrópole. Entre as ações imediatas defendidas estão a abertura de todos os dados que envolvem os preços das passagens, a participação da União no rateio dos custos e a instalação do Conselho de Transportes.

O documento, que será entregue aos integrantes do Conselho – do qual fazem parte Oded Grajew e Maurício Broinizi, coordenadores da Rede –, sugere algumas medidas imediatas e outras relacionadas à elaboração de diretrizes e prioridades para uma nova e duradoura política de transportes e mobilidade.

Entre as ações de curto prazo defendidas pela Rede está a imediata abertura de todas as informações que envolvem a formação dos preços das passagens do sistema público de transportes, o que inclui as planilhas de custos, os subsídios e os lucros das empresas e concessionárias que prestam os serviços.

Para a secretaria executiva da Rede Nossa São Paulo, a partir da disponibilização de todas as informações, será possível iniciar um debate sobre as propostas e modelos de transporte público, incluindo a tarifa zero e as diferentes possibilidades e fontes de financiamento.

Outra medida sugerida no documento é a implantação imediata do Conselho Municipal de Transportes, “com a tarefa urgente de apresentar no prazo de 60 dias o estudo e as principais diretrizes e propostas para um Plano de Mobilidade e Transportes Sustentáveis para o município”.

A Rede propõe ainda que o Governo Federal entre no rateio dos custos do transporte público, “posto que já contribuiu bastante para financiar e subsidiar o transporte individual”.

Na última sexta-feira (14), a organização já havia se posicionado, em editorial, sobre os lamentáveis fatos ocorridos na noite anterior. O texto “Não à repressão e à violência! Mais transparência sobre os preços das passagens dos transportes!” também é assinado pela secretaria executiva da Rede Nossa São Paulo.

Insatisfação da população com o transporte e a mobilidade

Um dos principais estímulos para as manifestações que estão ocorrendo na cidade de São Paulo, além dos preços das tarifas, é o descontentamento com a qualidade do serviço oferecido à população. Pesquisas sobre os Indicadores de Referência de Bem-Estar no Município (IRBEM), divulgadas anualmente pela Rede Nossa São Paulo, em parceria com o Ibope, evidenciam essa insatisfação.

No último levantamento disponibilizado à sociedade e ao poder público, no início deste ano, a nota média de satisfação dos paulistanos com o transporte e o transito da cidade ficou em 4,0, em uma escada de avaliação de 1 a 10.

A mesma pesquisa de percepção dos cidadãos revelou que a população atribui nota 4,1 para o tempo de espera nos pontos de ônibus e 3,9 para a pontualidade desses veículos de transporte coletivo.

Em relação ao preço das tarifas do transporte público, que inclui ônibus, metrô e trens, a média de satisfação da população foi de apenas 3,6, nota que ficou acima só do item segurança no trânsito, que recebeu 3,5.

Leia abaixo a íntegra do documento, com as sugestões da organização, que será entregue na reunião do Conselho da Cidade.

"Propostas para o transporte público em São Paulo

1 - O momento sugere oportunidade para tratarmos não somente de respostas de curtíssimo prazo, mas para iniciarmos um processo de ampla requalificação do transporte público e das demais diretrizes para os problemas de mobilidade da população – questões fundamentais para a qualidade de vida na cidade apontadas em todas as pesquisas de opinião realizadas nos últimos anos;

2 – Tanto para a busca de soluções imediatas, como para a construção de diretrizes e prioridades para uma nova e duradoura política de transportes e mobilidade, é fundamental termos como ponto de partida a imediata abertura de todas as informações, planilhas de custos, lucros e subsídios que envolvam os recursos públicos e das concessionárias que prestam os serviços de transporte público;

3 – Com todas as informações necessárias disponíveis, devemos iniciar o debate sobre as propostas e modelos de transporte público que se apresentarem, incluindo a própria tarifa zero e as diferentes possibilidades e fontes de seu financiamento, tais como ampliar a redução da CIDE – uso do imposto sobre combustíveis para financiar o transporte público, proposto pela Frente Nacional dos Prefeitos.  Está na hora de o Governo Federal entrar no rateio dos custos para priorizar o transporte público, posto que já contribuiu bastante para financiar e subsidiar o transporte individual, reduzindo, com isso, recursos do Fundo de Participação dos Municípios;

4 – Implantar imediatamente o Conselho Municipal de Transportes, junto à Secretaria Municipal de Transportes, com a tarefa urgente de apresentar no prazo de 60 dias o estudo e as principais diretrizes e propostas para um Plano de Mobilidade e Transportes Sustentáveis para o município (para o qual colocamo-nos à disposição), antecipando-se ao prazo que exige o Plano Municipal pela Política Nacional de Mobilidade Urbana (janeiro de 2015). Além disso, o Plano de Mobilidade também é exigido como complemento ao próprio Plano Diretor Estratégico da Cidade, em processo de revisão;

5 – Enquanto isso, promover um amplo processo participativo, com debates, seminários, oficinas etc., como metodologia de construção do Plano de Mobilidade a ser conduzida pelo Conselho Municipal de Transportes;

6 – De posse do Plano de Mobilidade e Transportes Sustentáveis apresentado pelo Conselho Municipal de Transportes e das diferentes propostas de modelos de seu financiamento, realizar referendo e mobilizar a sociedade para que a população escolha, democraticamente, o modelo de transporte e de seu financiamento.

É o momento para apresentarmos soluções consistentes e duradouras para este pesadíssimo fardo, em muitos sentidos, que se tornou o transporte público, o trânsito, a poluição e vários outros problemas de mobilidade na cidade.  Não podemos ignorar que tais questões precisam de respostas imediatas, mas podemos qualificar tais respostas com políticas que devem, urgentemente, inovar e significar melhoria efetiva na qualidade de vida na cidade!

Este Conselho, ao reafirmar os princípios democráticos e participativos na construção de propostas para a cidade, deve repudiar toda forma de violência e intolerância, assim como a repressão e o despreparo da Polícia Militar ao lidar com manifestações populares."

Secretaria Executiva da Rede Nossa São Paulo


Álbum (1)

Álbum de fotos (1)

Marcadores

Comentários



Prefeito de Londres anuncia verba de R$ 3 bilhões para estrutura cicloviária
Prefeito de Londres anuncia verba de R$ 3 bilhões para estrutura cicloviária
Proposta de plantio de cana na Amazônia Legal é aprovada
Proposta de plantio de cana na Amazônia Legal é aprovada
Moradias ilegais ameaçam qualidade da água no Rio Grande
Moradias ilegais ameaçam qualidade da água no Rio Grande
Cientistas norte-americanos criam primeiro "adesivo" solar ultraflexível
Cientistas norte-americanos criam primeiro "adesivo" solar ultraflexível
Empresa paulista usa bambu para filtrar água
Empresa paulista usa bambu para filtrar água
Conferência sustentável para empresas acontece pela primeira vez no Brasil
Conferência sustentável para empresas acontece pela primeira vez no Brasil
Museu chinês será construído com CDs e DVDs reaproveitados
Museu chinês será construído com CDs e DVDs reaproveitados
1,3 bilhão de toneladas de comida são desperdiçadas anualmente
1,3 bilhão de toneladas de comida são desperdiçadas anualmente
Pesquisadores brasileiros estudam os benefícios da cerveja para o coração
Pesquisadores brasileiros estudam os benefícios da cerveja para o coração
Filipinos criam amplificador de bambu que não precisa de eletricidade
Filipinos criam amplificador de bambu que não precisa de eletricidade
Campus Party vai neutralizar emissões de carbono
Campus Party vai neutralizar emissões de carbono
ONG "Que Se Dane" provoca internautas com indiferença às causas ambientais
ONG "Que Se Dane" provoca internautas com indiferença às causas ambientais
Estudo culpa o Homem por extinção do Tigre da Tasmânia
Estudo culpa o Homem por extinção do Tigre da Tasmânia
SOS Mata Atlântica e Cetesb fecham parceria por restauração ambiental
SOS Mata Atlântica e Cetesb fecham parceria por restauração ambiental
Calor de centros urbanos afeta cidades em um raio de mil quilômetros
Calor de centros urbanos afeta cidades em um raio de mil quilômetros
Os eternos namorados do mundo animal
Os eternos namorados do mundo animal
USP e UFMT desenvolvem biossensor que detecta pesticida na água, solo e alimentos
USP e UFMT desenvolvem biossensor que detecta pesticida na água, solo e alimentos
7 campanhas para a Semana do Meio Ambiente
7 campanhas para a Semana do Meio Ambiente
Arqueologia ajudará a desvendar origem da biodiversidade amazônica
Arqueologia ajudará a desvendar origem da biodiversidade amazônica
Surfista brasileiro cria pranchas ecológicas com garrafas PET
Surfista brasileiro cria pranchas ecológicas com garrafas PET