Aguarde...

Parte da expedição já está em Apuí




Por Cláudio Maretti

Infeliz e felizmente iniciamos as etapas finais da Expedição Juruena-Apuí. Nosso último ponto no ‘campo’, ou na floresta, foi Terra Preta. A partir de lá, dividimos novamente a equipe.

Três de nós, Francisco Livino, representante da Direc-Ibama, Marcos Pinheiro, do WWF-Brasil, coordenador da Expedição Juruena-Apuí, e eu, Cláudio C. Maretti, do WWF-Brasil, coordenador do Programa de Áreas Protegidas e Apoio ao Arpa, voltamos para Apuí no final da tarde. Na cidade cumpriremos a última atividade prevista, uma reunião, amanhã à tarde com o Conselho Municipal de Desenvolvimento Sustentado e Meio Ambiente de Apuí.

Os outros integrantes da Expedição Juruena-Apuí, juntamente com a equipe da VoxTV, desce o rio Sucunduri, desde ontem. A partir de Terra Preta, no limite entre o Parque Estadual do Sucunduri e a Floresta Estadual de Apuí, ambos do Mosaico de Unidades de Conservação de Apuí, a previsão é de 2,5 dias de subida ou 1,5 dias de descida de ‘voadeiras’, barcos de alumínio com motor de popa que leva normalmente de 3 a 6 pessoas, com uma carga relativamente pequena.

Entretanto, desta vez, para dar conta de carregar toda a carga, sobretudo a da equipe da VoxTV, nesta descida vai junto um ‘batelão’, que na linguagem popular amazônica se refere a um barco de madeira, muito mais pesado, mas capaz de levar até umas 20 pessoas ou uma carga pesada. Essa embarcação, na verdade, é adaptada a cargas rurais, como castanhas, produtos agrícolas ou similares.

Além da presença do batelão na flotilha, como a intenção é descer filmando, dois dias e meio podem ser apertados. A saída das embarcações de Terra Preta, trechos de navegação no caminho e falas do apresentador da Vox TV, Dirk Steffens, foram registradas. Mas o foco principal das filmagens ocorreu esta manhã.

Chegamos ontem até a ‘cachoeira’ Fortaleza. Montamos acampamento para eles poderem filmar a travessia da corredeira esta manhã. Dirk Steffens foi conduzido pelos piloteiros e proeiros da expedição na travessia da corredeira com o batelão. David Peters é inglês, mas é o câmera-man da equipe alemã. Tobias Akly é o técnico de som e auxiliar do câmera. Antonio Coenen é a produtora, auxiliada pela brasileira Ângela Rodrigues Alves.

O programa é apresentado por Dirk, que interage com a natureza selvagem há 12 anos. Nesse episódio em gravação na selva amazônica, Dirk contracena com nosso colega Michael Evers, do WWF-Alemanha. Cada um protagoniza uma parte. Michael gravou no Cristalino Jungle Lodge, ao lado do Parque Estadual Cristalino, e Dirk no Mosaico de Apuí. Ambos procuraram chamar a atenção para o recente mega Parque Nacional Juruena.

O mega Parque Nacional Juruena deve ser objeto de parceria entre o WWF (WWF-Brasil, com apoio do WWF-Alemanha), o Ibama e o ICV para agilizar a sua implementação, procurando reforçar o conhecimento científico e tradicional como base de apoio e promover sua implementação de forma participativa.


Fonte: WWF - Brasil


Álbum (2)

Álbum de fotos (2)

Marcadores

Comentários



O que o Brasil vai levar à conferência sobre biodiversidade?
O que o Brasil vai levar à conferência sobre biodiversidade?
Espécies encontradas no Tumucumaque - Jupará
Espécies encontradas no Tumucumaque - Jupará
Frente Parlamentar Ambientalista anuncia adesão à Hora do Planeta
Frente Parlamentar Ambientalista anuncia adesão à Hora do Planeta
Ritmo de adesões de cidades aumenta, a uma semana da Hora do Planeta
Ritmo de adesões de cidades aumenta, a uma semana da Hora do Planeta
Código florestal: movimento contra retrocesso ganha força
Código florestal: movimento contra retrocesso ganha força
ONGs ambientalistas discutem com Carlos Minc Pacto pela Valorização da Floresta e pelo Fim do Desmatamento na Amazônia
ONGs ambientalistas discutem com Carlos Minc Pacto pela Valorização da Floresta e pelo Fim do Desmatamento na Amazônia
Lençóis Paulista é Água Brasil
Lençóis Paulista é Água Brasil
Mosaico promove uso equilibrado do Cerrado
Mosaico promove uso equilibrado do Cerrado
Conheça a Exposição Itinerante Água Para a Vida, Água Para Todos
Conheça a Exposição Itinerante Água Para a Vida, Água Para Todos
Bolsa Prince Bernhard
Bolsa Prince Bernhard
Observem os sinais dos tempos, diz WWF aos negociadores reunidos em Bonn
Observem os sinais dos tempos, diz WWF aos negociadores reunidos em Bonn
WWF-Brasil realiza oficina no Encontro Nacional de Comitês de Bacias
WWF-Brasil realiza oficina no Encontro Nacional de Comitês de Bacias
ONGs e empresas discutem conservação do Pantanal
ONGs e empresas discutem conservação do Pantanal
Seminário discute a integração de instrumentos de gestão territorial em áreas protegidas
Seminário discute a integração de instrumentos de gestão territorial em áreas protegidas
Relatório indica dez maravilhas da natureza ameaçadas pelo aquecimento global
Relatório indica dez maravilhas da natureza ameaçadas pelo aquecimento global
Conservação da biodiversidade: Cerrado em pauta
Conservação da biodiversidade: Cerrado em pauta
Código Florestal: texto de Aldo segue repleto de retrocessos
Código Florestal: texto de Aldo segue repleto de retrocessos
O alerta que vem do cerrado
O alerta que vem do cerrado
Gestão das Águas: Consórcio Lagos-São João vira Agência da região dos Lagos, no RJ
Gestão das Águas: Consórcio Lagos-São João vira Agência da região dos Lagos, no RJ
WWF-Brasil: 12 anos cuidando da natureza
WWF-Brasil: 12 anos cuidando da natureza