Aguarde...

Paraíba seleciona peças de artesanato que serão expostas em showrooms durante a Copa


Quinze dos 150 produtos que fazem parte do projeto nacional Expoarte - Brasil Original – que tem o objetivo de dar visibilidade ao artesanato brasileiro na Copa do Mundo da FIFA 2014 e Olimpíadas de 2016 – serão expostos na 17ª edição do Salão de Artesanato Paraibano, na capital. O evento começou na última quarta-feira (19) e vai até o dia 20 de janeiro.

Brinquedos populares, trabalhos em cerâmica, madeira, tecelagens, fios e fibras são alguns dos produtos comercializados. As peças escolhidas pelo Expoarte terão o selo Brasil Original e passarão por mostras em diversas cidades brasileiras. “Esses produtos que estamos selecionando há cerca de um mês terão uma grande visibilidade durante os eventos esportivos, em várias cidades do país”, afirma a analista do Sebrae na Paraíba e gestora do Expoarte, Maísa Duarte.

De acordo com a consultora e pesquisadora Macao Goes, que iniciou a seleção dos produtos junto com o Sebrae na Paraíba, os trabalhos serão analisados dentre as diversas tipologias existentes no estado. “Iremos avaliar os trabalhos pela sua originalidade, qualidade, referência e identidade cultural, acabamento e sustentabilidade. A Paraíba possui um artesanato muito rico”.

De acordo com informações do Sebrae Nacional, em 2013 serão montados showrooms nas seis cidades que vão sediar a Copa das Confederações para expor os produtos selecionados. A concepção desses espaços de venda vai depender do calendário dos jogos em cada lugar.

 “O projeto não se limita à venda de peças, mas também promove a nossa cultura por meio do que é produzido pelos nossos artesãos em todas as regiões. O Brasil vai estar na moda em todo o mundo e o próprio país vai se olhar com mais atenção”, afirma o coordenador nacional da Carteira de Artesanato do Sebrae, Maurício Tedeschi.

O tema deste ano do Salão de Artesanato é o Imaginário Infantil e, de acordo com os organizadores, são esperados cerca de 180 mil pessoas. Devem participar mais de 700 expositores de 126 municípios paraibanos, com a expectativa de movimentar cerca de R$ 1,5 milhão, valor 20% superior ao comercializado na última edição do evento.

Luciana Oliveira, da Agência Sebrae


Álbum (1)

Álbum de fotos (1)

Marcadores

Comentários



Indianos usam raízes de árvores para "plantar" pontes
Indianos usam raízes de árvores para "plantar" pontes
Prêmio seleciona os três melhores aplicativos urbanos do mundo
Prêmio seleciona os três melhores aplicativos urbanos do mundo
Populações de tartarugas marinhas crescem no Brasil, diz Projeto Tamar
Populações de tartarugas marinhas crescem no Brasil, diz Projeto Tamar
Arquitetos do Reino Unido criam casa-contêiner que aproveita a água da chuva
Arquitetos do Reino Unido criam casa-contêiner que aproveita a água da chuva
São Paulo ganhará 4 megacentrais de reciclagem
São Paulo ganhará 4 megacentrais de reciclagem
Bicycled reaproveita peças de carros velhos para fabricar bicicletas
Bicycled reaproveita peças de carros velhos para fabricar bicicletas
Concurso alemão seleciona 25 jovens que pesquisam soluções sustentáveis
Concurso alemão seleciona 25 jovens que pesquisam soluções sustentáveis
Taiwaneses projetam edifício com fachada que gera energia eólica
Taiwaneses projetam edifício com fachada que gera energia eólica
Em apoio à Unicef, Katy Perry visita crianças carentes em Madagascar
Em apoio à Unicef, Katy Perry visita crianças carentes em Madagascar
Saiba como fazer um cofrinho reaproveitando garrafas PET
Saiba como fazer um cofrinho reaproveitando garrafas PET
Tribo da Indonésia constrói casas em árvores a 35 metros do chão
Tribo da Indonésia constrói casas em árvores a 35 metros do chão
Norte-americanos criam pen drive de papel
Norte-americanos criam pen drive de papel
Xangai aposta em óleo de cozinha para abastecer transporte público
Xangai aposta em óleo de cozinha para abastecer transporte público
Brasileiro não sabe identificar no rótulo os nutrientes dos alimentos industrializados
Brasileiro não sabe identificar no rótulo os nutrientes dos alimentos industrializados
USP e UFMT desenvolvem biossensor que detecta pesticida na água, solo e alimentos
USP e UFMT desenvolvem biossensor que detecta pesticida na água, solo e alimentos
Uruguai pretende ter 1/3 de sua energia vinda dos ventos
Uruguai pretende ter 1/3 de sua energia vinda dos ventos
NY expande sistema de reciclagem e aproveita plásticos rígidos
NY expande sistema de reciclagem e aproveita plásticos rígidos
Designer brasileiro reaproveita galões de água para construir lixeiras
Designer brasileiro reaproveita galões de água para construir lixeiras
Fazenda gaúcha usa calor de churrasqueira para aquecer água de chuveiro
Fazenda gaúcha usa calor de churrasqueira para aquecer água de chuveiro
Dicas sustentáveis para manter a pele saudável no verão
Dicas sustentáveis para manter a pele saudável no verão