Aguarde...

"Não deixe o samba morrer..."




Apagamos as luzes. A Hora do Planeta passou. O sucesso da iniciativa neste 1º ano da participação brasileira superou as expectativas. Agora a vida continua. Continua? Não como antes! Que tal, daqui por diante, colocarmos em prática tudo aquilo que discutimos e refletimos durante a preparação e a Hora do Planeta?

Em primeiro lugar, precisamos não perder de vista o principal objetivo do movimento: um acordo global de clima justo e eficiente, que queremos ver assinado em Copenhagen, em dezembro, e que estabeleça regras globais para o efetivo combate ao aquecimento global.

Fique ligado, participe e divulgue as ações que ainda virão até dezembro, por um acordo global de clima. A luta ainda não acabou! E mais: você se lembra de que o Brasil é o 4º maior emissor de gases de efeito estufa do planeta e que 75% das nossas emissões são provocadas pelo desmatamento, principalmente da Amazônia e do Cerrado?

Pois bem. Vamos nos manter ativos em defesa das florestas brasileiras, companhar e participar de campanhas, abaixoassinados, enfim: tudo o que puder contribuir para que o Brasil enfrente efetivamente o desafio que é parar o desmatamento.

Afinal, com o fim do desmatamento, reduzimos nossas emissões de gases de efeito estufa, garantimos que a Amazônia, por exemplo, siga influindo positivamente no clima global e, de quebra, garantimos a manutenção da nossa riquíssima megabiodiversidade e recursos naturais para as gerações de hoje e do futuro.
Em casa
Procure sempre comprar aparelhos eficientes em consumo de eletricidade. Retire das tomadas os aparelhos em stand-by (os que ficam com as luzinhas vermelhas acesas)

No trabalho
Seja ativo: forme uma comissão para verificar como a empresa pode gastar menos energia. Mantenha os aparelhos de ar condicionado a 25oC. Verifique se os aparelhos de ar condicionado estão na sombra. Eles consomem 5% menos se não estiverem no sol.

No transporte
Use bicicleta ou caminhe sempre que possível. É saudável e você estará contribuindo para um planeta mais limpo. Faça sempre uma revisão do seu carro. Além de evitar possíveis dores de cabeça, um carro que funciona corretamente consome menos combustível e produz menos gases causadores do efeito estufa.

Ao comprar carne
Pergunte ao seu açougueiro ou ao supermercado que frequenta de onde vem a carne que você compra. Cerca de 70% das áreas desmatadas são para abertura de novas pastagens. O desmatamento é o principal responsável por nossas emissões de gases causadores do efeito estufa


Fonte: WWF - Brasil


Álbum (1)

Álbum de fotos (1)

Marcadores

Comentários



WWF-Brasil comemora assinatura do Protocolo de Nagoia
WWF-Brasil comemora assinatura do Protocolo de Nagoia
Relatório da ONU é alerta para as negociações de clima de Durban
Relatório da ONU é alerta para as negociações de clima de Durban
Um mundo com energia limpa é possível, em 2050
Um mundo com energia limpa é possível, em 2050
Consórcio Amazoniar lança revista em conferência internacional
Consórcio Amazoniar lança revista em conferência internacional
WWF apoiará reservas particulares de São Paulo
WWF apoiará reservas particulares de São Paulo
Consciência e engajamento marcam Hora do Planeta em Belém
Consciência e engajamento marcam Hora do Planeta em Belém
Vozes pelo Planeta
Vozes pelo Planeta
WWF-Brasil e Governo do Acre lançam estudo sobre incentivos por serviços ambientais
WWF-Brasil e Governo do Acre lançam estudo sobre incentivos por serviços ambientais
Estradas rurais podem contribuir para conservação da floresta
Estradas rurais podem contribuir  para conservação da floresta
ONGs se mobilizam contra nova tentativa de derrubada do Código Florestal
ONGs se mobilizam contra nova tentativa de derrubada do Código Florestal
Pesquisa mostra opinião dos brasileiros sobre a proposta de "novo código" florestal
Pesquisa mostra opinião dos brasileiros sobre a proposta de "novo código" florestal
Dia Mundial da Água: desafios e avanços
Dia Mundial da Água: desafios e avanços
Expedição Juruena-Apuí: 180 anos depois da Langsdorff
Expedição Juruena-Apuí: 180 anos depois da Langsdorff
No CBUC, WWF-Brasil fala sobre o potencial econômico das Unidades de Conservação
No CBUC, WWF-Brasil fala sobre o potencial econômico das Unidades de Conservação
Relatório indica dez maravilhas da natureza ameçadas
Relatório indica dez maravilhas da natureza ameçadas
Do Carecuru ao porto de Itacoaquera
Do Carecuru ao porto de Itacoaquera
Dia Mundial das Áreas Úmidas
Dia Mundial das Áreas Úmidas
Queda no desmatamento anunciada pelo governo não reflete momento de hoje, avalia WWF-Brasil
Queda no desmatamento anunciada pelo governo não reflete momento de hoje, avalia WWF-Brasil
Rondônia: operação prende invasores dentro de Terra Indígena
Rondônia: operação prende invasores dentro de Terra Indígena
Curso vai orientar construtoras que buscam madeira legal
Curso vai orientar construtoras que buscam madeira legal