Aguarde...

Dia Mundial das Áreas Úmidas




Nesta quarta-feira (2 de fevereiro) é comemorado o dia Mundial das Áreas Úmidas. A data foi instituída pela Convenção de Ramsar com o objetivo de estimular a reflexão e aumentar o reconhecimento em todo o mundo sobre a importância das áreas úmidas para o planeta e para a vida das pessoas.

Este ano de 2011, em razão do Ano Internacional das Florestas, declarado pela Organização das Nações Unidas (ONU), o tema escolhido para as comemorações foi Áreas Úmidas e Florestas. O tema traz um alerta sobre a necessidade de conservar as florestas que estão nessas áreas úmidas, pois elas têm um papel importante no seqüestro de carbono e na manutenção da saúde ambiental das áreas úmidas e do planeta.

Áreas úmidas - Ecossistemas complexos e variados, as áreas úmidas vão desde as zonas marinhas e costeiras até as continentais e as artificiais. Alguns exemplos são os lagos, manguezais, pântanos e também áreas irrigadas para agricultura, reservatórios de hidrelétricas, entre outros.

As áreas úmidas estão presentes em todos os tipos de ecossistemas e são importantes para a manutenção da diversidade biológica e para a regulação do clima. Pelo fato de terem um ciclo hidrológico que se modifica o tempo todo e que exige adaptação constante, as áreas úmidas abrigam uma enorme variedade de espécies endêmicas.

Outro serviço importante prestado por essas áreas é a regulação do ciclo hidrológico, ampliando a capacidade de retenção de água da região onde se localiza e, com isso, promovendo o múltiplo uso das águas pelos seres humanos.

Apesar da riqueza ambiental que oferecem, essas áreas são muito vulneráveis, principalmente aos efeitos das mudanças climáticas. Situadas em uma área de transição entre os ecossistemas aquáticos e terrestres, sofrem muita pressão não somente pela ação direta do homem, mas também pelos impactos sobre ecossistemas terrestres, marinhos e de água doce adjacentes.

Convenção de Ramsar - A definição do conceito de Áreas Úmidas surgiu na Convenção de Ramsar. O tratado intergovernamental celebrado no Irã, em 1971, marcou o início das ações nacionais e internacionais para a conservação e o uso sustentável das zonas úmidas e de seus recursos naturais. Atualmente, 150 países são signatários do tratado, incluindo o Brasil.

Sítios de Ramsar no Brasil

Além do Parque Nacional do Pantanal Matogrossense (MT), o Brasil possui outras sete áreas classificadas como Sítios Ramsar: Estação Ecológica Mamirauá (AM), Ilha do Bananal (TO), Reentrâncias Maranhenses (MA), Área de Proteção Ambiental da Baixada Maranhense (MA), Parque Estadual Marinho do Parcel de Manoel Luz (MA), Lagoa do Peixe (RS) e a Reserva Particular do Patrimônio Natural SESC Pantanal (MT).


Pantanal é a maior área úmida do planeta

O Pantanal é a maior área úmida continental do planeta e o berço de uma rica biodiversidade.  Ele ocupa parte dos estados do Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, estendendo-se pela Bolívia e Paraguai. Na região, foram registradas pelo menos 4.700 espécies, incluindo plantas e vertebrados. Desse total, há 3.500 espécies de plantas (árvores e vegetações aquáticas e terrestres), 325 peixes, 53 anfíbios, 98 répteis, 656 aves e 159 mamíferos. 

A importância ambiental da maior área úmida continental teve o seu reconhecimento a partir de 1998, quando o bioma foi decretado Patrimônio Nacional, pela Constituição brasileira. Em 2000, o Pantanal recebeu o título de Reserva da Biosfera pela Organização das Nações Unidas (ONU).

Atuação do WWF-Brasil no Pantanal

Desde 1998, o WWF-Brasil vem atuando com projetos de conservação no Pantanal, em parceria com o WWF-Bolívia e em articulação com parceiros locais.  A escolha do bioma como uma de suas áreas prioritárias de atuação da ONG deve-se ao reconhecimento da importância do Pantanal para a conservação da biodiversidade.

O trabalho envolve o estímulo a ações de conservação da biodiversidade por meio da criação e implementação de unidades de conservação, preservação de espécies, educação para sociedades sustentáveis, incentivo a atividades econômicas de baixo impacto ambiental e de apoio ao desenvolvimento sustentável.

 


Fonte: WWF - Brasil


Álbum (1)

Álbum de fotos (1)

Marcadores

Comentários



WWF-Brasil e governo do Pará fazem parceria
WWF-Brasil e governo do Pará fazem parceria
Funcionários de empresas parceiras do WWF-Brasil assistem a palestras sobre meio ambiente
Funcionários de empresas parceiras do WWF-Brasil assistem a palestras sobre meio ambiente
Documento da Rio+20 tem graves omissões e compromete o planeta
Documento da Rio+20 tem graves omissões e compromete o planeta
RPPN do Mato Grosso do Sul recebe prêmio de turismo
RPPN do Mato Grosso do Sul recebe prêmio de turismo
WWF-Brasil lamenta pedido de demissão da ministra Marina Silva
WWF-Brasil lamenta pedido de demissão da ministra Marina Silva
WWF-Brasil realiza oficina no Encontro Nacional de Comitês de Bacias
WWF-Brasil realiza oficina no Encontro Nacional de Comitês de Bacias
No Pantanal, professores unidos pela sustentabilidade
No Pantanal, professores unidos pela sustentabilidade
Expedição científica em floresta do Pará verifica degradação e identifica espécies ameaçadas
Expedição científica em floresta do Pará verifica degradação e identifica espécies ameaçadas
Um mundo com energia limpa é possível, em 2050
Um mundo com energia limpa é possível, em 2050
Debate sobre mudanças climáticas no CBUC
Debate sobre mudanças climáticas no CBUC
Um futuro para o Cerrado
Um futuro para o Cerrado
Vetos do Presidente da República à MP da Grilagem atendem parcialmente pedidos de ambientalistas
Vetos do Presidente da República à MP da Grilagem atendem parcialmente pedidos de ambientalistas
Hora do Planeta 2009 atinge novo recorde de adesão mundial
Hora do Planeta 2009 atinge novo recorde de adesão mundial
Seminário reforça proposta de pacto em defesa das cabeceiras do Pantanal
Seminário reforça proposta de pacto em defesa das cabeceiras do  Pantanal
Carta da Terra deve integrar políticas e leis brasileiras
Carta da Terra deve integrar políticas e leis brasileiras
Perspectiva chinesa da Conferência de Clima
Perspectiva chinesa da Conferência de Clima
Vitória e Rio: as primeiras do Brasil a aderir à Hora do Planeta 2011
Vitória e Rio: as primeiras do Brasil a aderir à Hora do Planeta 2011
WWF-Brasil apoia simpósio sobre sustentabilidade na construção civil
WWF-Brasil apoia simpósio sobre sustentabilidade na construção civil
Mudanças nas discussões do clima
Mudanças nas discussões do clima
Encob: Sarney Filho propõe moção pela manutenção de APPs no Código Florestal
Encob: Sarney Filho propõe moção pela manutenção de APPs no Código Florestal