Aguarde...

Clima: Brasil não assume novos compromissos




Tradicionalmente, o Brasil é o primeiro país a se pronunciar na Assembleia-Geral das Nações Unidas. Nesta quarta-feira, a tradição foi mantida e nosso presidente falou sobre o desafio de combater o aquecimento global.

Entretanto, Lula não deu indicações claras do que deverá apresentar em Copenhague como resultado de esforços em todos os setores de nossa economia para reduzir as emissões brasileiras de gases de efeito estufa.

Apesar de não ter se pronunciado ontem durante a Cúpula de Clima das Nações Unidas, Lula tocou no assunto no final de seu discurso desta quarta-feira. O presidente ressaltou as metas de combate ao desmatamento contidas no Plano Nacional sobre Mudanças do Clima, exaltou a produção brasileira de álcool combustível e comentou como a matriz energética brasileira é limpa.

“O Brasil já assumiu compromissos no combate às mudanças climáticas quando o assunto é emissões do desmatamento”, afirma Denise Hamú, secretária-geral do WWF-Brasil. “Porém, é preciso lembrar que nossa matriz energética tem ficado cada vez mais suja e que ainda falta pensar de forma integrada como cresceremos rumo à uma economia de baixa emissão de carbono”, aponta.

Lula também destacou que é preciso vontade política e esforço de todos os países para combater o aquecimento global. O presidente se disse consternado com a relutância dos países desenvolvidos em assumir sua responsabilidade histórica no fenômeno do clima.

A Rede WWF defende que os países ricos e industrializados, que são quem mais contribuíram para as mudanças climáticas estarem no patamar atual, liderem o caminho para a redução de emissões e ajudem os países em desenvolvimento a lidarem com os impactos do aquecimento global.

Em números, os países industrializados devem reduzir suas emissões em 40% até 2020 e facilitar a transição das economias dos países em desenvolvimento para uma de baixa emissão, provendo anualmente 160 bilhões de dólares para financiar ações de redução de emissões e adaptação e dar acesso a tecnologias limpas.


Fonte: WWF - Brasil


Álbum (1)

Álbum de fotos (1)

Marcadores

Comentários



WWF apoiará reservas particulares de São Paulo
WWF apoiará reservas particulares de São Paulo
Comprar ou não comprar, eis a questão
Comprar ou não comprar, eis a questão
Plantio voluntário em vídeo
Plantio voluntário em vídeo
Música clássica em prol da Amazônia
Música clássica em prol da Amazônia
Relatório da ONU é alerta para as negociações de clima de Durban
Relatório da ONU é alerta para as negociações de clima de Durban
WWF-Brasil abre debate sobre estudo da expansão da cana-de-açúcar
WWF-Brasil abre debate sobre estudo da expansão da cana-de-açúcar
O potencial da bioeletricidade na matriz elétrica brasileira
O potencial da bioeletricidade na matriz elétrica brasileira
Novo visual nos 15 anos do WWF-Brasil
Novo visual nos 15 anos do WWF-Brasil
20 capitais brasileiras apagam suas luzes pela Hora do Planeta
20 capitais brasileiras apagam suas luzes pela Hora do Planeta
Evento na Cúpula dos Povos lança rede da Carta da Terra
Evento na Cúpula dos Povos lança rede da Carta da Terra
WWF-Brasil movimenta Manaus no Dia da Amazônia
WWF-Brasil movimenta Manaus no Dia da Amazônia
Um obrigado em uníssono
Um obrigado em uníssono
Começam debates sobre Código Florestal no Senado
Começam debates sobre Código Florestal no Senado
Pesquisadores pedem rigor na implementação do Código Florestal
Pesquisadores pedem rigor na implementação do Código Florestal
Mortes de extrativistas não podem ficar impunes
Mortes de extrativistas não podem ficar impunes
Adesão de cidades à Hora do Planeta chega a 67 em todo o Brasil
Adesão de cidades à Hora do Planeta chega a 67 em todo o Brasil
Plano de Manejo da Reserva Extrativista Cazumbá-Iracema é oficializado
Plano de Manejo da Reserva Extrativista Cazumbá-Iracema é oficializado
Artesanato com couro de peixe é exemplo de redução da pegada
Artesanato com couro de peixe é exemplo de redução da pegada
Comitês estaduais reforçam o movimento por um Código Florestal mais justo
Comitês estaduais reforçam o movimento por um Código Florestal mais justo
Colégio estadual goiano dá exemplo de mobilização e promove 'apagão consciente'
Colégio estadual goiano dá exemplo de mobilização e promove 'apagão consciente'