Aguarde...

Cidades brasileiras se mobilizam para a Hora do Planeta 2012




Rio de Janeiro será cidade-âncora da Hora do Planeta no Brasil. Curitiba, Natal, Campo Grande e mais 19 cidades confirmaram o apagar de suas luzes.

Pelo quarto ano consecutivo, durante uma hora, cartões postais da cidade do Rio de Janeiro, como o Cristo Redentor, a Orla de Copacabana, Arpoador e os Arcos da Lapa, ficarão no escuro pelo planeta.

No dia 31 de março, sábado, das 20h30 às 21h30, acontecerá a Hora do Planeta 2012, movimento global promovido pela Rede WWF para chamar a atenção para a necessidade de conservar o meio ambiente, e o Rio de janeiro será novamente a cidade âncora do movimento no Brasil.

Na manhã desta terça-feira (20/03), a secretária-geral do WWF-Brasil, Maria Cecília Wey de Brito, se reuniu com secretário de Conservação e Serviços Públicos do Rio de Janeiro, Carlos Osório, para firmar o apoio da Prefeitura do Rio à Hora do Planeta 2012, mobilização global em prol do meio ambiente.

O encontro, realizado no Centro de Operações do Rio, de onde serão apagadas as luzes dos principais monumentos da cidade, contou também com a presença de Luiz Flávio Carvalho, gerente regional do Grupo Pão de Açúcar, e de Glória Rubião, gerente de Sustentabilidade da TIM Brasil, empresas patrocinadoras do evento.

A Hora do Planeta 2012 pretende chamar a atenção da necessidade para um desenvolvimento mais sustentável, que será debatido na Rio+20. “O Rio de Janeiro se sente honrado em, mais uma vez, participar da Hora do Planeta. Nosso objetivo é incentivar ações sustentáveis e promover o uso adequado da energia”, diz Carlos Osório. A Catedral Metropolitana, a igreja da Penha, o Monumento dos Pracinhas também serão apagadas no dia 31.

“Contar com a participação da Prefeitura do Rio de Janeiro é muito importante para o WWF-Brasil e para a Hora do Planeta. Para nos desenvolvermos de maneira sustentável, é fundamental que as grandes cidades, como é o caso do Rio, estejam compromissadas em fazer sua parte. Além disso, o apagar das luzes dos ícones do Rio chamam a atenção de toda a população brasileira que receberá a mensagem para repensar o impacto de suas ações no planeta”, afirmou a secretária-geral do WWF-Brasil.

Cidades engajadas

Além das capitais Rio de Janeiro, Natal, Campo Grande e Curitiba, cidades de diferentes estados brasileiros também confirmaram a participação da Hora do Planeta 2012 e o apagar das luzes de seus monumentos. São elas: Tarumã (SP), Cachoeira Alta(GO), Barueri (SP), Osasco (SP), Viana (ES), Matão (SP), São João da Barra (RJ), Ribeirão Pires (SP), Maringá (PR), Serrolândia (BA), Rio das Ostras (RJ), Alto Caparaó (MG), Bento Gonçalves (RS), Uberlândia(MG), São José do Rio Preto (SP), Quatis (RJ), Peruibe (SP), Contagem (MG) e Brotas (SP).

Patrocinadores

“A TIM está apoiando a Hora do Planeta pelo terceiro ano consecutivo e colaborando com seu poder de mobilização de milhões de pessoas através da tecnologia móvel. Estamos dobrando a quantidade de mensagens de texto enviadas no ano passado – em 2012, encaminharemos 30 milhões de SMS convidando os clientes a apagarem as luzes no dia 31 de março – com o intuito de alcançar ainda mais pessoas para essa causa tão importante defendida pelo WWF. Também vamos usar nosso site e canais nas redes sociais para divulgar o movimento e, no dia marcado, apagaremos as luzes de nossas empenas publicitárias em mais de 20 cidades do Brasil”, destaca o diretor de Comunicação e Sustentabilidade da TIM Brasil, Maurício Bacellar.

O Pão de Açúcar sempre teve o desenvolvimento sustentável como parte de suas estratégias de planejamento, desenvolvendo ações de redução de impacto ao meio ambiente em todas as suas redes. “Exatamente por ter a preservação do meio ambiente e os recursos naturais como importante pilar de suas atividades, a rede não poderia deixar de fazer parte de um evento como a Hora do Planeta”, conta Hugo Bethlem, vice-presidente do Grupo Pão de Açúcar. Além do patrocínio, no dia 31 de março, a rede incentivará seus clientes e colaboradores a apagarem as luzes para combater o aquecimento global.

Desde 2006, cada loja do Grupo Pão de Açúcar possui uma Comissão Interna de Controle de Energia (CICE), formada por representantes de diversos setores. O objetivo é reduzir os custos e o consumo de energia com boas práticas e a criação de uma cultura de ecoeficiência.


Fonte: WWF - Brasil


Álbum (1)

Álbum de fotos (1)

Marcadores

Comentários



Mais um remendo no Código Florestal não é a solução!
Mais um remendo no Código Florestal não é a solução!
Para a Rede WWF, o texto para negociação da Rio+20 é um fracasso colossal de liderança e visão
Para a Rede WWF, o texto para negociação da Rio+20 é um fracasso colossal de liderança e visão
Mapa revela situação do Mosaico Sertão Veredas-Peruaçu
Mapa revela situação do Mosaico Sertão Veredas-Peruaçu
Ânimos esquentam no Quênia
Ânimos esquentam no Quênia
Cantora pop britânica visita Acre em apoio à conservação das florestas
Cantora pop britânica visita Acre em apoio à conservação das florestas
Mudam ministros. Desafios ambientais continuam
Mudam ministros. Desafios ambientais continuam
Copacabana será palco de show para 1 milhão de pessoas contra o aquecimento global
Copacabana será palco de show para 1 milhão de pessoas contra o aquecimento global
Parceiros assinam contrato do Projeto Diálogos
Parceiros assinam contrato do Projeto Diálogos
Professores levam sustentabilidade para casa
Professores levam sustentabilidade para casa
Ritmo de adesões de cidades aumenta, a uma semana da Hora do Planeta
Ritmo de adesões de cidades aumenta, a uma semana da Hora do Planeta
Desmatamento: boas novas e velhos problemas
Desmatamento: boas novas e velhos problemas
Promotora de Justiça demonstra ameaças das alterações no Código para as águas
Promotora de Justiça demonstra ameaças das alterações no Código para as águas
Efetividade de gestão das unidades de conservação do Brasil aumentou nos últimos cinco anos, aponta estudo do WWF-Brasil e ICMBio.
Efetividade de gestão das unidades de conservação do Brasil aumentou nos últimos cinco anos, aponta estudo do WWF-Brasil e ICMBio.
Áreas protegidas e mudanças climáticas em debate dia 08/10
Áreas protegidas e mudanças climáticas em debate dia 08/10
Nota pública: Código Florestal, Desmatamento Zero e competividade agrícola
Nota pública: Código Florestal, Desmatamento Zero e competividade agrícola
Governo recebe documento sobre áreas protegidas e clima
Governo recebe documento sobre áreas protegidas e clima
Encontro discute pacto para conservar nascentes do Pantanal
Encontro discute pacto para conservar nascentes do Pantanal
Brasil e França assinam acordo bilateral contra a garimpagem ilegal na Amazônia. WWFs Brasil e França apóiam
Brasil e França assinam acordo bilateral contra a garimpagem ilegal na Amazônia. WWFs Brasil e França apóiam
WWF-Brasil e MMA firmam parceria para divulgar alimentos orgânicos
WWF-Brasil e MMA firmam parceria para divulgar alimentos orgânicos
Manaus vai pedalar na Hora do Planeta contra o aquecimento global
Manaus vai pedalar na Hora do Planeta contra o aquecimento global