Aguarde...

Cadernos da Biodiversidade e Pegada Ecológica no Fórum de Educação Ambiental




O WWF-Brasil e o Instituto Supereco realizam nesta quinta-feira (29), no VII  Fórum Brasileiro de Educação Ambiental, em Salvador (BA), a oficina Biodiversidade, educação e conservação na sua prática e ambiente de atuação.

A oficina será ministrada por Andree Vieira (Supereco) e Terezinha Martins ( WWF-Brasil) com base na publicação Investigando a Biodiversidade: guia de apoio aos educadores do Brasil, uma publicação conjunta do WWF-Brasil, Conservação Internacional e Supereco.

A publicação, lançada em 2010, tem por objetivo apoiar o trabalho de educadores que têm o desafio de desenvolver ações e atividades pedagógicas envolvendo professores, crianças e jovens sobre o significado e a importância da nossa biodiversidade e como devemos conservá-la. A obra é uma adaptação brasileira para o material “Exploring Biodiversity”, uma copublicação da Conservação Internacional e do WWF.

Fórum -
O VII  Fórum Brasileiro de Educação Ambiental começou hoje no Centro de Convenções de Salvador e tem a participação de  educadores de todo o país. O fórum deste ano será um evento preparatório para a Conferência das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável – Rio + 20.

Um dos principais objetivos do evento  será o de avançar no diálogo com os diversos segmentos sociais envolvidos com o licenciamento ambiental, gestão dos resíduos sólidos, mudanças climáticas, educação formal, gestão de recursos hídricos, conservação da biodiversidade e gestão das unidades de conservação, produção agropecuária.

Pegada Ecológica
– O  WWF-Brasil e o Supereco estarão com um stand durante todo o evento para divulgar as suas ações de educação ambiental. Entre os projetos apresentados está o estudo da Pegada Ecológica de Campo Grande, uma experiência pioneira realizada no Brasil em uma cidade. 

A pegada ecológica é uma metodologia de contabilidade ambiental que avalia de um lado o consumo e do outro a capacidade de recursos naturais disponíveis no planeta. É possível traduzir a pegada ecológica em quantos e quais recursos são usados pela população e em quanto isso excede a capacidade de recuperação natural dos ecossistemas. O cálculo já era realizado de maneira individual,  mas foi feito pela primeira vez em uma cidade.

O trabalho foi realizado pelo WWF-Brasil em parceria com a prefeitura da capital do Mato Grosso do Sul, Global Footprint Network (GFN), a empresa social Ecossistemas e a Universidade Privada Anhanguera. O objetivo foi ter uma ferramenta de gestão para ajudar no planejamento e na gestão pública, mobilizar a população para rever seus hábitos de consumo e escolher produtos mais sustentáveis, além de estimular empresas a melhorarem suas cadeias produtivas.




Fonte: WWF - Brasil


Álbum (1)

Álbum de fotos (1)

Marcadores

Comentários



Engajamento pela biodiversidade
Engajamento pela biodiversidade
WWF-Brasil reúne projetos de conservação de todo o Brasil em oficina de Educação Ambiental
WWF-Brasil reúne projetos de conservação de todo o Brasil em oficina de Educação Ambiental
WWF-Brasil apoia ação do Greenpeace em defesa do Código Florestal
WWF-Brasil apoia ação do Greenpeace em defesa do Código Florestal
Concurso Olhares sobre a Água e o Clima homenageia Década da Água
Concurso Olhares sobre a Água e o Clima homenageia Década da Água
Governo recebe documento sobre áreas protegidas e clima
Governo recebe documento sobre áreas protegidas e clima
ARTIGO: Como fizemos Belo Monte
ARTIGO: Como fizemos Belo Monte
Pecuária orgânica e os desafios da sustentabilidade
Pecuária orgânica e os desafios da sustentabilidade
Brasil se mobiliza por sete dias em defesa da natureza
Brasil se mobiliza por sete dias em defesa da natureza
Pirenópolis se prepara para a coleta seletiva
Pirenópolis se prepara para a coleta seletiva
Relatório afirma que consumo humano supera capacidade de recuperação do planeta
Relatório afirma que consumo humano supera capacidade de recuperação do planeta
Efetividade de gestão das unidades de conservação do Brasil aumentou nos últimos cinco anos, aponta estudo do WWF-Brasil e ICMBio.
Efetividade de gestão das unidades de conservação do Brasil aumentou nos últimos cinco anos, aponta estudo do WWF-Brasil e ICMBio.
Manual para educadores ensina a investigar a biodiversidade
Manual para educadores ensina a investigar a biodiversidade
WWF-Brasil não apóia companhia circense ‘Le Cirque’
WWF-Brasil não apóia companhia circense ‘Le Cirque’
Artesanato com couro de peixe é exemplo de redução da pegada
Artesanato com couro de peixe é exemplo de redução da pegada
PRIMATAS: Nova espécie de macaco é tombada no Museu Emílio Goeldi, em Belém (PA)
PRIMATAS: Nova espécie de macaco é tombada no Museu Emílio Goeldi, em Belém (PA)
Organizações sociais do Rio Negro cobram a criação da Resex Baixo Rio Branco-Jauaperi
Organizações sociais do Rio Negro cobram a criação da Resex Baixo Rio Branco-Jauaperi
Resíduos sólidos: Caxias do Sul se mobiliza para melhorar manejo
Resíduos sólidos: Caxias do Sul se mobiliza para melhorar manejo
Conferência de Clima: Rede WWF pede tecnologia limpa onde é necessária
Conferência de Clima: Rede WWF pede tecnologia limpa onde é necessária
Rio de Janeiro é palco da próxima manifestação contra reforma do Código Florestal
Rio de Janeiro é palco da próxima manifestação contra reforma do Código Florestal
Curitiba agitada para Hora do Planeta, hoje às 20h30
Curitiba agitada para Hora do Planeta, hoje às 20h30