Aguarde...

Arquiteto nigeriano projeta escola flutuante para área que sofre inundações


Makoko é uma comunidade litorânea localizada na cidade de Lagos, Nigéria. A população local vive, em sua maioria, em palafitas improvisadas. Mas, no que depender do arquiteto Kunle Adeyemi esta situação está com os dias contados.

Apesar de ter nascido em Makoko, Adeyemi vive hoje na Holanda. Em uma de suas viagens à terra natal ele decidiu que teria que ajudar o seu povo de alguma forma e, já que a moradia é um dos principais problemas da região, foi este o foco de suas atenções.

Se dependesse das autoridades locais, as palafitas já teriam sido exterminadas, mas o arquiteto pretende transformar estas construções para proporcionar melhores condições de vida. As estruturas criadas por ele não teriam os tradicionais apoios de madeira, elas são flutuantes e permitem um melhor acesso à energia, água e o descarte dos resíduos de maneira sustentável.

O primeiro projeto de Adeyemi é uma escola flutuante com três andares. São dez metros de altura, construídos sobre uma base de 32 metros quadrados. A plataforma está edificada sobre 256 tambores plásticos reutilizados, que garantem a flutuação. O corpo da estrutura é feito em madeira produzida localmente. De acordo com o arquiteto, esta construção é mais barata do que construir em terra.

Cada escola é capaz de receber até cem alunos, com idades que variam de quatro a 12 anos. Elas são equipadas com painéis solares, sistema de captação da água da chuva e a escola também possui seu próprio banheiro, algo bastante incomum na região.

Em declaração ao site de design, Co.Exist, Adeyemi explica que a estrutura é muito estável e que as crianças de Makoko não veem problema algum em ir de barco à escola. Segundo ele, “as crianças adoram” a experiência. Além de ser uma solução, esta também é uma oportunidade para debater questionamentos sobre os problemas enfrentados pelos africanos que moram em áreas costeiras.

“Há estratégias urbanas para lidar com as subidas do nível do mar. Existem zonas propensas a inundações, mas que ainda assim podem ser urbanizadas. Esperamos ser um catalisador e que muitas outras pessoas resolvam adotar sistemas semelhantes para enfrentar a mudança no clima e inundações”, finalizou Adeyemi. Com informações do Co.Exist.

Fonte: CicloVivo


Álbum (5)

Álbum de fotos (5)

Marcadores

Comentários



Britânicos criam plástico com compostos de plantas e cupins
Britânicos criam plástico com compostos de plantas e cupins
Brasileiro descobre que bagaço de cana de açúcar pode purificar água
Brasileiro descobre que bagaço de cana de açúcar pode purificar água
Livro digital gratuito reúne memória de catadores de materiais recicláveis
Livro digital gratuito reúne memória de catadores de materiais recicláveis
Taiwaneses projetam edifício com fachada que gera energia eólica
Taiwaneses projetam edifício com fachada que gera energia eólica
Planta sorgo sacarino pode ser alternativa na produção de etanol
Planta sorgo sacarino pode ser alternativa na produção de etanol
Norte-americanos constroem casa de cogumelos
Norte-americanos constroem casa de cogumelos
Locadora de veículos refloresta espaço equivalente a oito estádios de futebol
Locadora de veículos refloresta espaço equivalente a oito estádios de futebol
Isolante térmico feito com matéria-prima reciclada reduz em até 30% gasto de energia elétrica
Isolante térmico feito com matéria-prima reciclada reduz em até 30% gasto de energia elétrica
5 famosas que lutam por um mundo mais sustentável
5 famosas que lutam por um mundo mais sustentável
Células solares de baixo custo aumentam a duração das baterias de celulares
Células solares de baixo custo aumentam a duração das baterias de celulares
Empresa de Eike Batista é acusada por desastre ambiental no RJ
 Empresa de Eike Batista é acusada por desastre ambiental no RJ
Instituto de finanças premia cases na área de sustentabilidade
Instituto de finanças premia cases na área de sustentabilidade
Fraldas de pano, do passado para um futuro sustentável
Fraldas de pano, do passado para um futuro sustentável
Projeto mostra o que desejam as pessoas antes de morrer
Projeto mostra o que desejam as pessoas antes de morrer
Rede social compartilha sobras de comida através da internet
Rede social compartilha sobras de comida através da internet
Abraços podem fazer bem à saúde, afirma estudo
Abraços podem fazer bem à saúde, afirma estudo
Moradores do Alemão, no Rio, participam de programa "Meu prato saudável"
Moradores do Alemão, no Rio, participam de programa "Meu prato saudável"
Programa Ciclovida incentiva a bicicleta como meio de transporte em Curitiba
Programa Ciclovida incentiva a bicicleta como meio de transporte em Curitiba
Bicicleta conquista o gosto dos paulistanos
Bicicleta conquista o gosto dos paulistanos
Designer brasileiro reaproveita galões de água para construir lixeiras
Designer brasileiro reaproveita galões de água para construir lixeiras