Aguarde...

Aluno da Unicamp cria microinversor para sistema solar conectado à rede elétrica


Com uma pesquisa para desenvolver um microconversor mais eficiente da energia captada por painéis fotovoltaicos para a rede elétrica de baixa tensão, Jonas Rafael Gazoli, atualmente doutorando da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), foi um dos vencedores do prêmio Vale-Capes de Ciência e Sustentabilidade.

Criado a partir de uma parceria entre a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e a empresa Vale, selada durante a conferência Rio+20, o prêmio apontou as melhores teses de doutorado e dissertações de mestrado defendidas em 2011 em quatro modalidades: processos eficientes para redução do consumo de água e de energia; aproveitamento, reaproveitamento e reciclagem de resíduos e/ou rejeitos; redução de gases do efeito estufa; e tecnologias socioambientais, com ênfase no combate à pobreza.

Ao todo, foram premiadas quatro teses e quatro dissertações. Além disso, três doutorados e três mestrados ganharam menção honrosa. A dissertação de Gazoli, “Microinversor monofásico para sistema solar fotovoltaico conectado à rede elétrica”, que contou com Bolsa FAPESP, ganhou na primeira modalidade.

Segundo Ernesto Ruppert Filho, professor da Faculdade de Engenharia Elétrica e de Computação (Feec) da Unicamp e orientador de Gazoli no mestrado, o prêmio é resultado de um trabalho intenso de mais de dez anos nos laboratórios de Eletrônica de Potência e de Dinâmica de Máquinas Elétricas, ambos da Feec.

“Nossa preocupação é contribuir não só com a redução do consumo de energia elétrica, mas também com o desenvolvimento de conversores eletrônicos de potência para uso em geração eólica e em geração fotovoltaica de energia elétrica”, disse Ruppert.

Em seu estudo, Gazoli construiu e apresentou os resultados experimentais de um microconversor eletrônico de potência de dois estágios que faz a conexão do painel fotovoltaico com uma rede elétrica de baixa tensão. A ideia era dispensar o uso do capacitor eletrolítico na transformação da energia solar em elétrica com o uso de painéis fotovoltaicos, apontados como caros e fontes de defeitos no sistema.

“Nesse trabalho, foi desenvolvida uma modalidade de controle do conversor e realizado um estudo sobre o algoritmo de rastreamento do ponto de máxima potência, que é um sistema eletrônico que varia o ponto de operação do painel fotovoltaico para ele liberar a quantidade máxima de energia elétrica a cada instante”, disse Ruppert.

Atualmente, Gazoli é responsável por um projeto no âmbito do programa Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas (PIPE), com a empresa Eudora Energia Ltda., em Campinas, para comprovar a viabilidade técnico-científica de um microinversor monofásico para sistema fotovoltaico – um sistema que vem ganhando mercado no mundo e no Brasil, segundo o pesquisador.

A cerimônia de premiação está marcada para 14 de maio em Belém, no Pará, no Instituto Tecnológico Vale. Todos os vencedores do prêmio na categoria dissertação de mestrado receberão R$ 10 mil e uma bolsa de até quatro anos para o doutorado em uma instituição nacional. Os orientadores receberão R$ três mil e auxílio equivalente a uma participação em congresso nacional e internacional. Na categoria doutorado, os prêmios para os autores da tese são de R$ 15 mil e para o orientador, US$ 3 mil.

Os nomes dos demais premiados podem ser conferidos aqui

Agência Fapesp 


Álbum (1)

Álbum de fotos (1)

Marcadores

Comentários



Água Crystal Eco distribui camisetas como incentivo ao uso da bike
Água Crystal Eco distribui camisetas como incentivo ao uso da bike
Refrigerantes e outras bebidas causam 180 mil mortes precoces anuais
Refrigerantes e outras bebidas causam 180 mil mortes precoces anuais
Britânicos querem gerar eletricidade a partir da fotossíntese
Britânicos querem gerar eletricidade a partir da fotossíntese
Rio de Janeiro lança plano para combater desigualdades raciais
Rio de Janeiro lança plano para combater desigualdades raciais
Pesquisadores paulistas usam bagaço da laranja para fazer cachaça sustentável
Pesquisadores paulistas usam bagaço da laranja para fazer cachaça sustentável
Porto Alegre sedia 2º Fórum Mundial da Bicicleta
Porto Alegre sedia 2º Fórum Mundial da Bicicleta
Marca alemã lança bicicleta que pesa apenas 5 kg
Marca alemã lança bicicleta que pesa apenas 5 kg
Luminária movida a energia solar tem design divertido
Luminária movida a energia solar tem design divertido
Brasileiros descobrem peixe transparente na Amazônia
Brasileiros descobrem peixe transparente na Amazônia
Guardas florestais matam os últimos 15 rinocerontes de Moçambique
Guardas florestais matam os últimos 15 rinocerontes de Moçambique
Fundação Gol de Letra usa filmes para desenvolver senso crítico de crianças e jovens
Fundação Gol de Letra usa filmes para desenvolver senso crítico de crianças e jovens
Iniciativa de supermercados inibirá venda de carne procedente de área desmatada
Iniciativa de supermercados inibirá venda de carne procedente de área desmatada
Rede Nossa SP apresenta propostas para transporte público da cidade
Rede Nossa SP apresenta propostas para transporte público da cidade
Alckmin lança Programa São Paulo Orgânico
Alckmin lança Programa São Paulo Orgânico
Governo e Pnuma apresentam projeto de redução de gases de efeito estufa
Governo e Pnuma apresentam projeto de redução de gases de efeito estufa
Rio Grande do Sul quer liderar energia eólica no Brasil
Rio Grande do Sul quer liderar energia eólica no Brasil
Projeto ensina técnicas de empreendedorismo a mulheres de baixa renda
Projeto ensina técnicas de empreendedorismo a mulheres de baixa renda
Pedestres viram "reis" e "rainhas" em ação de conscientização no trânsito
Pedestres viram "reis" e "rainhas" em ação de conscientização no trânsito
Programa Ciclovida incentiva a bicicleta como meio de transporte em Curitiba
Programa Ciclovida incentiva a bicicleta como meio de transporte em Curitiba
Pesticidas comprometem atividade cerebral de abelhas
Pesticidas comprometem atividade cerebral de abelhas