Aguarde...

Acre convoca população para compor plano de águas




 O Governo do Estado do Acre lança, amanhã (15/10), em Rio Branco, um kit de materiais de comunicação que irá apoiar a elaboração participativa do Plano Estadual de Recursos Hídricos, uma experiência inédita no Brasil no que tange à gestão das águas em nível estadual. 
 
O kit – produzido com apoio do WWF-Brasil – inclui uma cartilha, destinada aos agentes multiplicadores do processo, um folder explicativo e quatro spots de rádio para veiculação no estado.  A cartilha será utilizada para treinamento em 66 comunidades, sendo 44 em áreas críticas de conservação e outras 22 em áreas conservadas.  Cerca de 150 multiplicadores participarão de todo o processo de treinamento e informação da população.
 
Os spots de rádio têm como objetivo informar a população em geral –  com anúncio sobre a construção participativa do plano – , produtores rurais, população urbana e gestores públicos – com uma convocação específica destes três últimos públicos à participação efetiva no processo.
 
De acordo com Glauco Freitas, coordenador substituto do Programa Água para a Vida, a expectativa do WWF-Brasil é de que, feito o diagnóstico das águas no Acre, o Plano Estadual de Recursos Hídricos venha reforçar programas e ações para conservação e recuperação das bacias e, principalmente, apresente propostas de adaptação frente aos possíveis impactos das mudanças climáticas sobre os recursos hídricos.
 
“Além disto, é importante que o Plano esteja integrado com o Zoneamento Econômico Ecológico, harmonizando diretrizes de uso de solo e de água nas microbacias do estado”, destacou Glauco.
 
O Plano Estadual de Recursos Hídricos do Estado do Acre será o primeiro da Amazônia, uma região em que ainda não são graves nem tão urgentes a escassez e os conflitos por recursos hídricos.  Glauco Freitas destacou a postura proativa do governo do Acre que elege a gestão de recursos hídricos como questão importante e se antecipa aos impactos eventualmente causados pelas mudanças climáticas, que poderão mudar drasticamente o cenário atualmente confortável da região no que tange à água, como se viu durante a seca de 2005.
 
Anseios e saberes -- Para o técnico especializado do WWF-Brasil Angelo Lima, responsável pelos projetos demonstrativos de governança da água na ONG, é importante que o Plano tenha uma excelente participação da sociedade e possa refletir os desejos e anseios da população acreana, com relação aos desafios e oportunidades para a gestão das águas. 
 
“É importante que o Plano também tenha a percepção social. Além dos estudos técnicos, é preciso integrar saberes para que a sociedade acreana possa se sentir parte deste processo”, disse Angelo, lembrando que, no caso do Acre, é preciso levar em consideração as comunidades indígenas, e também o fato de que o Rio Acre é transfronteiriço, ou seja, passa por três países (Bolívia, Peru e Brasil).
A expectativa do governo acreano é a de que o plano seja concluído até julho de 2010.  Neste caso, o técnico alerta para que a implementação tenha início logo em seguida. “Diversos planos não consideram, de forma apropriada, a sua implementação e é fundamental dar atenção a esta fase”.
 
O técnico especializado do WWF-Brasil no Acre, Alberto Tavares Pereira Júnior, acredita que existe um aspecto inovador nessa ação que é a garantia da participação da população através da divulgação ampla pelos meios de comunicação do processo de elaboração do Plano Estadual de Recursos Hídricos. “Isto mobilizará a sociedade a contribuir ativamente nas etapas de construção do plano e não somente tomar conhecimento do que já estaria pronto”, avalia. 


Fonte: WWF - Brasil


Álbum (1)

Álbum de fotos (1)

Marcadores

Comentários



Encontro com pecuaristas vai discutir conservação da onça-pintada no Pantanal
Encontro com pecuaristas vai discutir conservação da onça-pintada no Pantanal
Conheça a nossa Equipe
Conheça a nossa Equipe
Mais impulso à iniciativa particular de conservação
Mais impulso à iniciativa particular de conservação
WWF-Brasil entrega amanhã abaixo assinado pela criação de área protegida em Bertioga
WWF-Brasil entrega amanhã abaixo assinado pela criação de área protegida em Bertioga
Professores levam sustentabilidade para casa
Professores levam sustentabilidade para casa
Retrato da Amazônia
Retrato da Amazônia
Tendência mundial das áreas protegidas é unir biológico e social
Tendência mundial das áreas protegidas é unir biológico e social
WWF-Brasil participa do São Paulo Fashion Week
WWF-Brasil participa do São Paulo Fashion Week
Agricultura pode avançar em 128 mi de hectares sem derrubar floresta
Agricultura pode avançar em 128 mi de hectares sem derrubar floresta
Empresas assumem papel primordial na mobilização para a Hora do Planeta 2010
Empresas assumem papel primordial na mobilização para a Hora do Planeta 2010
Conheça a cidade de Apuí
Conheça a cidade de Apuí
Estado do Acre tem nova unidade de conservação ambiental
Estado do Acre tem nova unidade de conservação ambiental
Pesquisadores do WWF-EUA criam mapas de grande precisão dos rios do mundo
Pesquisadores do WWF-EUA criam mapas de grande precisão dos rios do mundo
Os desafios da conservação da biodiversidade e as metas brasileiras para 2020
Os desafios da conservação da biodiversidade e as metas brasileiras para 2020
Senado aprova texto que modifica Código Florestal
Senado aprova texto que modifica Código Florestal
Prosperidade longe do garimpo, um bom exemplo de prática sustentável
Prosperidade longe do garimpo, um bom exemplo de prática sustentável
Publicação sobre a Pegada Ecológica de Campo Grande será lançada na Mostra de Soluções Sustentáveis
Publicação sobre a Pegada Ecológica de Campo Grande será lançada na Mostra de Soluções Sustentáveis
Engajamento com a questão ambiental leva funcionários do HSBC às nuvens
Engajamento com a questão ambiental leva funcionários do HSBC às nuvens
ARTIGO: A natureza merece esse estímulo
ARTIGO: A natureza merece esse estímulo
ARTIGO: A ilusão dos números
ARTIGO: A ilusão dos números