Aguarde...

Acordo climático em risco: Lula, é hora de agir!




Declarações recentes de importantes líderes mundiais, dentre eles representantes da União Européia e Estados Unidos,  sinalizam que o acordo climático que deverá ser fechado este ano, em Copenhague, está em risco.

Os países industrializados estão tentando diminuir as expectativas sobre Copenhague enquanto continuam a se esquivar de decisões importantes como redução de emissões e a transição para uma economia de baixo carbono.

Somente um acordo onde as partes sejam obrigadas a responder legalmente pelo que se comprometeram a fazer poderá deter o aquecimento global.

Peça ao Presidente da República e seus Ministros que declarem  publicamente  sua preocupação com a relutância dos países desenvolvidos de assumirem sua responsabilidade em relação às mudanças climáticas.

Envie uma mensagem formal ao Presidente. Para isso, acesse o site da Presidência da República ou escreva para supar@planalto.gov.br.

Em seguida, copie e cole o texto abaixo no formulário:
 

Exmo. Presidente da República,
Sr. Luiz Inácio Lula da Silva
O acordo climático está em risco. Declarações recentes de importantes líderes mundiais sugerem que em Copenhague se discuta o futuro da humanidade de forma meramente voluntária. Segundo tais declarações, há poucas chances de chegar-se a um acordo forte, ambicioso e com força legal, capaz de manter o aumento de temperatura do planeta inferior a 2ºC.

O fracasso em Copenhague representa um alto risco de instabilidade que implicará em custos sociais, ambientais e econômicos para todos os países. Cabe aos líderes mundiais impedir que isso aconteça. O seu apoio como líder global é fundamental para que o acordo de clima não se restrinja a uma carta de boas intenções e seja realmente um compromisso com força de lei internacional.

Como cidadão brasileiro, peço que Vossa Excelência reforce publicamente a declaração feita em seu discurso na última Assembléia Geral das Nações Unidas, de profunda preocupação com a relutância dos países desenvolvidos de assumirem sua responsabilidade quando se trata de combater as mudanças climáticas, e que diga aos Chefes de Estado que é absolutamente inaceitável adiar as decisões que devem ser tomadas em Copenhagen.

Esperamos que em nome do Brasil e da segurança e bem-estar do povo Brasileiro, o Sr. e seus Ministros conclamem os demais líderes mundiais para um esforço mundial pelo único resultado aceitável em Copenhagen: um acordo ambicioso, justo e com força de lei.

Para enviar a mensagem, clique aqui


Mande também uma cópia da mensagem acima para os seguintes endereços eletrônico:

Carlos Minc Baumfeld
Ministério do Meio Ambiente
carlos.minc@mma.gov.br

Celso Amorim

Ministério das Relações Exteriores
celsoamorim@mre.gov.br

Sergio Rezende

Ministério da Ciência e Tecnologia
ministro@mct.gov.br


Fonte: WWF - Brasil


Álbum (4)

Álbum de fotos (4)

Marcadores

Comentários



Conheça a cidade de Apuí
Conheça a cidade de Apuí
Um novo modelo de gestão territorial para Rondônia
Um novo modelo de gestão territorial para Rondônia
Moratória da Soja na Amazônia é renovada para a próxima safra
Moratória da Soja na Amazônia é renovada para a próxima safra
Ritmo de adesões de cidades aumenta, a uma semana da Hora do Planeta
Ritmo de adesões de cidades aumenta, a uma semana da Hora do Planeta
Seminário se encerra com contribuições dos participantes
Seminário se encerra com contribuições dos participantes
O jogo não acabou para as florestas brasileiras
O jogo não acabou para as florestas brasileiras
Estudantes e GEF doam R$ 1.8 milhão para conservar a Amazônia
Estudantes e GEF doam R$ 1.8 milhão para conservar a Amazônia
Brasil, Argentina, Bolívia e Paraguai definem programa para gestão da bacia do Paraguai
Brasil, Argentina, Bolívia e Paraguai definem programa para gestão da bacia do Paraguai
ONGs protestam em Brasília contra Angra 3 e Programa Nuclear
ONGs protestam em Brasília contra Angra 3 e Programa Nuclear
Estação Ecológica de Águas Emendadas lança Almanaque de Educação Ambiental
Estação Ecológica de Águas Emendadas lança Almanaque de Educação Ambiental
Mercado de carne orgânica do MS é tema na 2ª Expo MS
Mercado de carne orgânica do MS é tema na 2ª Expo MS
Sociedade civil e metas de biodiversidade
Sociedade civil e metas de biodiversidade
Especialistas discutem financiamento para gestão florestal
Especialistas discutem financiamento para gestão florestal
Primeiro passo para implementação das metas de conservação da biodiversidade no Brasil
Primeiro passo para implementação das metas de conservação da biodiversidade no Brasil
Pacto Murici lança associação pela Mata Atlântica do Nordeste
Pacto Murici lança associação pela Mata Atlântica do Nordeste
Comunidades locais e povos indígenas contribuem para a conservação da biodiversidade
Comunidades locais e povos indígenas contribuem para a conservação da biodiversidade
Código Florestal: comitês de bacia ignorados, sociedade fora do debate
Código Florestal: comitês de bacia ignorados, sociedade fora do debate
Lençóis Paulista é Água Brasil
Lençóis Paulista é Água Brasil
Ignorar a Ciência é agir contra o Brasil
Ignorar a Ciência é agir contra o Brasil
Visita às aldeias wajãpi do rio Inipuku
Visita às aldeias wajãpi do rio Inipuku