Aguarde...

A Hora do Planeta em Brasília uniu música, esporte e consciência ambiental




Por Ulisses de Freitas

Música, esporte e atitude marcaram a Hora do Planeta na capital do Brasil. Pontualmente, às 20h30, na entrada principal do Terraço Shopping, foi realizado um show musical com o performático grupo de percussão Patubatê, praticamente às escuras, já que o shopping havia apagado a iluminação da fachada. "Os lojistas também aderiram à campanha, deixando acesas apenas as luzes de emergência", contou Renata Monnerat, gerente de marketing do shopping.

A apresentação serviu, ainda, de trilha sonora para um aulão de spinning comandado pelo professor André Sá, da Academia Júlio Adnet. A plateia, formada principalmente por moradores do Cruzeiro e Sudoeste, vibrou com o ritmo contagiante do grupo musical e com a euforia dos atletas. "Vim porque adoro o Patubatê, mas também é importantíssimo participar da Hora do Planeta que deveriam ter apagado mais luzes e por mais tempo", disse.

Muitas famílias que circularam pelo local ficaram sabendo do evento pela televisão. A professora Carla Simon, acompanhada de dois filhos adolescentes, estava bastante empolgada com o show, mas um pouco decepcionada com falta de consciência de alguns cidadãos. "O evento está maravilhoso. Apaguei as luzes de casa na hora certa e vim correndo pra cá. Só fiquei um pouco triste quando observei que havia ainda muitas luzes acesas na minha casa", afirmou.

Do outro lado da cidade, na Asa Norte, o Café da Rua 8, um dos pontos boêmios mais badalados daquela região, também promoveu um evento especial para a Hora do Planeta. A casa recebeu o músico Jaime Ernest Dias e a cantora Célia Rabelo que fizeram uma apresentação à luz de velas.

A recepção do público foi além das expectativas, segundo a proprietária do café, Eva Pimenta. "Às 20h30, tivemos a visita dos Carcarás, grupo de motociclistas. O palco foi iluminado por uma Harley Davidson. Os clientes gostaram tanto que preferiram seguir a noite com a luz das velas".

Algumas pessoas foram ao local também porque sabiam do evento. Foi o caso de Selma Nabuco, funcionária do Ministério das Relações Exteriores, que estava acompanhada de quatro amigos. "Vim pela Hora do Planeta! Foi uma idéia ótima juntar música com esse clima de consciência ambiental, comentou.


Fonte: WWF - Brasil


Álbum (1)

Álbum de fotos (1)

Marcadores

Comentários



O alerta que vem do cerrado
O alerta que vem do cerrado
Seminário discute mosaicos de áreas protegidas no Amazonas
Seminário discute mosaicos de áreas protegidas no Amazonas
Apagão reforça necessidade de diversificar matriz elétrica
Apagão reforça necessidade de diversificar matriz elétrica
Curso de gestão de UCs
Curso de gestão de UCs
Texto do Código é aprovado por comissões em meio a violência contra estudantes
Texto do Código é aprovado por comissões em meio a violência contra estudantes
Manejo do pirarucu movimenta economia de Manoel Urbano
Manejo do pirarucu movimenta economia de Manoel Urbano
Reunião de clima resulta em agenda de trabalho ambiciosa
Reunião de clima resulta em agenda de trabalho ambiciosa
Água Brasil promove ações de sustentabilidade na terra de Chico Mendes
Água Brasil promove ações de sustentabilidade na terra de Chico Mendes
WWF-Brasil participa do festival Planeta Atlântida
WWF-Brasil participa do festival Planeta Atlântida
Criação de 2,6 milhões de hectares de áreas protegidas na Amazônia celebra o Dia Mundial do Meio Ambiente
Criação de 2,6 milhões de hectares de áreas protegidas na Amazônia celebra o Dia Mundial do Meio Ambiente
Especialistas definem plano de ação para salvar araras-azuis
Especialistas definem plano de ação para salvar araras-azuis
A difícil missão de proteger a Amazônia
A difícil missão de proteger a Amazônia
Um casal nos confins do Molocopote
Um casal nos confins do Molocopote
Código florestal ruralista elimina reservas legais
Código florestal ruralista elimina reservas legais
Balão Panda mais uma vez é destaque no Planeta Atlântida
Balão Panda mais uma vez é destaque no Planeta Atlântida
Relatório afirma que consumo humano supera capacidade de recuperação do planeta
Relatório afirma que consumo humano supera capacidade de recuperação do planeta
No retorno, observações sobre e a natureza do Amapá
No retorno, observações sobre e a natureza do Amapá
Carta da Terra deve integrar políticas e leis brasileiras
Carta da Terra deve integrar políticas e leis brasileiras
Repams e WWF-Brasil estimulam criação de reservas particulares no MS
Repams e WWF-Brasil estimulam criação de reservas particulares no MS
Aventura na selva
Aventura na selva